A criança e a presença da morte é um assunto intrigante.

A percepção da presença da mesma na infância se da de maneira diferente da vida adulta.

Confira alguns filmes que tratam do assunto de maneira brilhante, inclusive o mais icônico: Cria Corvos.

Leia mais: Vídeo mostra importância de falar com as crianças sobre a morte

O Espírito da Colméia

Direção: Victor Erice
País: Espanha
Ano: 1973
Nome original: El Espíritu De La Colmena

As duas pequenas irmãs Ana (Ana Torrent) e Isabel (Isabel Tellería) moram em terras rurais da Espanha, na década de 40. Elas estão determinadas a encontrar a estranha figura de “Frankenstein” que passará pela região.

A Bruxa

Direção: Robert Eggers
País: Reino Unido
Ano: 2015
Nome original: The Witch

Nova Inglaterra, ano de 1630. William e Katherine levam uma vida cristã com suas cinco crianças, morando á beira de um deserto intransitável. Quando o filho recém nascido deles desaparece e a colheita falha, a família se transforma em outra. Por trás de seus piores medos, um mal sobrenatural se esconde no bosque ao lado.

Fanny e Alexander

No início do século XX, após um alegre Natal na família Ekdahl, o pai de um casal de crianças vem a falecer. Deste momento em diante Alexander (Bertil Guve), o menino, passa a ver o fantasma do pai freqüentemente. Tempos depois Emilie (Ewa Fröling), sua mãe, casa-se com um extremamente rígido religioso e as crianças são obrigadas a deixar a casa da avó paterna, onde foram muito felizes, e passam a viver com a família do padrasto de hábitos severos, onde são tratados como prisioneiros. Na casa do padrasto o menino passa a ver o fantasma da primeira esposa dele e suas filhas, que haviam morrido tentando escapar dele. Decorrido algum tempo, a mãe se conscientiza da real personalidade do marido e de quanto seus filhos sofrem naquela casa, assim planeja um modo de tirá-los daquele lugar e levá-los de volta à casa da avó.

O Iluminado

Direção: Stanley Kubrick
País: Reino Unido
Ano: 1980
Nome original: The Shining

Durante o inverno, um homem, é contratado para ficar como vigia em um hotel no Colorado, e vai para lá com a mulher e seu filho. Porém, o contínuo isolamento começa a lhe causar problemas mentais sérios e ele vai se tornado cada vez mais agressivo e perigoso, ao mesmo tempo que seu filho passa a ter visões de acontecimentos ocorridos no passado, que também foram causados pelo isolamento excessivo.

Cria Corvos

Direção: Carlos Saura
País: Espanha
Ano: 1976
Nome original: Cria Cuervos

Em uma casa pequena e velha no centro de Madrid, Ana, uma menina de 9 anos de idade, é o veículo usado para contar, mais do que uma história, um clima, uma atmosfera, uma chave vital, os costumes e sentimentos que destróem sua família. Ana acredita ter em suas mãos o poder de vida e morte sobre aqueles que a rodeiam. Acha que este poder foi causador da morte de seu pai. Assim, neste universo fechado e do ponto de vista de uma criança, o tempo passa, trazendo paixões, esperanças, descobrindo frustrações e impassível, profetizando a morte.

A Canção da Estrada

Direção: Satyajit Ray
País: Índia
Ano: 1955
Nome original: Pather Panchali

No início do século 20, Abul é um menino pertencente a uma pobre família brâmane de um vilarejo na Índia. Seu pai, poeta e sacerdote, é forçado a deixar seus entes queridos em busca de trabalho. Uma das obras-prima do cinema mundial, inédita no Brasil e nas Américas. Este filme foi a estréia espetacular de Satyati Ray. Recuperada a finais dos anos 90, pois um incêndio destruiu os negativos originais, esta é a primeira fita, que deu origem a Trilogia de Apu. Nela se narra a comovente história de uma família de Bengali perseguida pela má sorte. O pai, Harihara, é um sacerdote mundano, curandeiro, sonhador e poeta. Sabajaya, a mãe trabalha para alimentar a uma família, que recebe com alegria e esperança a chegada de um novo filho, Apu.

O Sexto Sentido

Direção: M. Night Shyamalan
País: EUA
Ano: 1999
Nome original: The Sixth Sense

O psicólogo infantil Malcolm Crowe (Bruce Willis) abraça com dedicação o caso de Cole Sear (Haley Joel Osment). O garoto, de 8 anos, tem dificuldades de entrosamento no colégio e vive paralisado de medo. Malcolm, por sua vez, busca se recuperar de um trauma sofrido anos antes, quando um de seus pacientes se suicidou na sua frente.

Alemanha, Ano Zero

Direção: Roberto Rossellini
País: Itália
Ano: 1948
Nome original: Germania, Anno Zero

Em Berlim, após o final da 2ª Guerra Mundial, Edmund (Edmund Moeschke), um garoto de uma família muito pobre, trabalha para sustentar o pai doente, sua pequena irmã e o irmão, que não tem documentos. Um dia, ao conversar com um antigo mestre (Erich Gühne), fala do seu pai enfermo e entende ter recebido um conselho para matar seu pai, um peso morto. Ele começa a pensar na idéia.

Boa Noite, Mamãe

Direção: Severin Fiala; Veronika Franz
País: Austria
Ano: 2014
Nome original: Ich seh, Ich seh

Uma família vive em uma residência isolada em meio a árvores e plantações de milho. Após dias afastada por conta de cirurgias plásticas, a mãe (Susanne Wuest) volta para casa e não é reconhecida pelos filhos gêmeos. As crianças, de nove anos, duvidam que a mulher de rosto coberto seja realmente sua mãe e a partir de então nada será como antes.

Túmulo dos Vagalumes

Direção: Isao Takahata
País: Japão
Ano: 1988
Nome original: 火垂るの墓

Uma trágica história sobre dois irmãos – Setsuko e Seita – que vivem no Japão durante a época da guerra que, após tornarem-se órfãos por causa do conflito (sua mãe morreu e seu pai está desaparecido), vão parar na casa de parentes. As coisas pioram quando acabam tendo que ir viver em um abrigo no meio do mato. Quando Setsuko, a irmãzinha caçula, adoece gravemente, seu irmão deve se virar para conseguir ajuda para a menina, mas os tempos são difíceis e mesmo um pouco de comida pode ser difícil encontrar.

A Longa Caminhada

Direção: Nicolas Roeg
País: Austrália
Ano: 1971
Nome original: Walkabout

Duas crianças são abandonadas pelo pai louco que, pouco antes de se suicidar, tenta matá-las em meio a uma região desabitada do deserto australiano. À mercê do destino e com poucos recursos para sobrevivência, o garoto e a menina passam a ser auxiliados por um aborígene, que vive sozinho pelo deserto para cumprir um ritual de sua tribo.

Vá e Veja

Direção: Elem Klimov
País: Rússia
Ano: 1985
Nome original: Idi i Smotri

Impressionante e rigoroso filme russo. Um dos mais importantes dos últimos tempos. Vá e Veja é uma experiência de dor e perda. Considerado selvagem e lírico, o filme narra a trajetória de Florya, um jovem separado de seus comandantes durante a Segunda Guerra Mundial.

(Autor: Philippe Torres)
(Fonte: cineplot.com.br)
* Texto publicado com a autorização do administrador do site

Compartilhar
Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.



SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA