A depressão é um termo frequentemente usado quando estamos nos sentindo para baixo – quando as coisas não estão indo de acordo com o plano. Usar a depressão para descrever um estado de espírito passageiro não é uma descrição exata da doença que, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), afeta mais de 350 milhões de pessoas no mundo. “A tristeza é uma emoção, enquanto que a depressão é uma doença”, diz o psiquiatra Ken Robbins, da Universidade de Wisconsin-Madison.

A depressão aflige muitas pessoas em todo o mundo, por isso é provável que você ou alguém que você conhece tenha lutado contra a doença em algum momento de sua vida. Estar em um relacionamento com alguém que sofre de depressão não é fácil, e é especialmente mais difícil se você não está ciente de que seu parceiro tem a doença. Preste atenção aos seguintes sinais, pois estes podem apontar para depressão escondida.

Sinais de que seu parceiro está com depressão:

1.Isolamento

Quando alguém está com depressão, muitas vezes reluta em ter companhia. Parte disso é a falta de interesse, e parte é o medo de ser o estranho do grupo. Há também um medo de ser rejeitado pelos outros, o que aumenta a relutância em se envolver socialmente.

Ele pode ter uma ou mais das seguintes características:

– Poucos ou nenhum amigo;

– Rotulado como recém “antissocial”;

– Cancelar presença em eventos sociais de última hora;

– Evitar contato face-a-face com os outros;

– Amigos, familiares e outros estão preocupados com sua falta de interação;

– Pessimismo;

– Baixa autoestima.

2.Perda de interesse

Este é um grande problema. Atividades que costumavam trazer alegria e satisfação para a pessoa, agora são dispensáveis. Isso é doloroso tanto para o indivíduo quanto para aqueles que cuidam dele. A pessoa atingida pode até perder o interesse em seu cônjuge ou filhos, muitas vezes levando a problemas maiores.

Também vale a pena mencionar que as tarefas necessárias, mas menos atraentes (trabalho, tarefas, etc.) tornam-se mais árduas e muitas vezes são ignoradas ou feitas às pressas.

3.Abuso de substâncias

Navegar pelos altos e baixos da vida é bastante difícil, mas para quem tem depressão é quase impossível, às vezes. Para escapar dessa armadilha, muitos se voltam para o uso de álcool ou drogas. Compreensivelmente, isso ocorre porque a pessoa está buscando entorpecer sua dor ou sentir a felicidade que almeja. No entanto, isso só funciona por um tempo curto e, conforme a tolerância aumenta, o mesmo acontece com a probabilidade de dependência.

Leia Mais: Oito sintomas físicos de depressão além da tristeza

4.Alterações de humor

Desequilíbrios químicos no cérebro muitas vezes levam a mudanças bruscas de humor. Uma pessoa com depressão pode ir de feliz a chorando dentro de um curto espaço de tempo. Coisas e eventos que costumavam causar pouca ou nenhuma reação – uma piada sarcástica, por exemplo – agora causam acessos de raiva ou irritabilidade. Se alguém que você gosta está demonstrando esses tipos de mudanças, entenda que pode ser devido à depressão. Não julgue precipitadamente, no entanto; mudanças normais nos hormônios também podem levar a mudanças de humor.

5.Mudanças no apetite

Este é um assunto delicado porque “alterações no apetite” podem ser o fato de a pessoa nem sequer tocar na comida (“será que ela não está com fome?”), ou devorar um pote de sorvete (“vai ver estava com muita vontade”) até que ele se foi. De qualquer maneira, mudanças drásticas no apetite muitas vezes são um sinal claro de depressão.

6.Exaustão

Uma abordagem letárgica de muitas responsabilidades é natural em pessoas sem entusiasmo. Pessoas com depressão constantemente lidam com a vibração interna de suas mentes, o que é desgastante. Não é de admirar, então, que lhes sobre pouca energia. Estados excessivos de cansaço podem indicar a presença de depressão.

7.Insônia

Tal como acontece com muitos outros sintomas depressivos, problemas de sono podem variar amplamente. Alguns vão dormir a maior parte do dia, enquanto outros vão dormirão apenas um par de horas, se chegar a isso. Uma mudança drástica no padrão de sono é frequentemente um dos sinais mais evidentes de depressão.

(Fonte: powerofpositivity)

*Tradução equipe Fãs da Psicanálise.

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here