Você anda sem tanto interesse sexual como antes? Está com dificuldade na ereção, ou para ter orgasmo? Acredito que não tenha pensado em melhorar o sono, mas vou te mostrar o caminho.

Se a gente dorme corretamente nossa produtividade de forma geral fica em alta, nosso desempenho sexual se mantém, nosso humor tende a não variar, a gente fica menos carente, menos irritados, enfim…

O sono é fundamental para nosso cérebro. Não esqueça, que é no cérebro que são enviados comandos para a produção de todos os neurotransmissores, hormônios, e principalmente, para a produção do quarteto fantástico, que já falei em outros artigos por aqui.

A queda do interesse sexual, a dificuldade no desempenho quando da relação sexual, podem ser fruto de noites dormidas de forma incorreta. Quando não entramos no sono profundo, quando não respeitamos o ciclo certo do sono, bagunçamos nosso cérebro, o que atinge muitas coisas.

Além de alterar a qualidade do desempenho sexual, dormir mal causa: cansaço, sonolência, irritabilidade, alterações repentinas de humor, perda de memória recente, baixa de criatividade, dificuldade no planejamento, baixa nossa produtividade, provoca falta de atenção e concentração, aumenta ansiedade e, se o sono ruim permanecer por mais tempo, causa muito mais problemas de saúde.

Veja se você não anda cometendo os 3 maiores erros, que dificultam o sono reparador:

  • Som e iluminação: Devemos evitar dormir com a TV ligada, ou o som ligado (mesmo que sejam músicas relaxantes, suaves), pois o silêncio é responsável pelo crescimento das células do hipocampo responsável pelas emoções. Precisamos de escuridão para que a melatonina seja suficiente para o sono saudável, não sendo adequado deixar luz no quarto, ou próximo, ou mesmo a TV ligada (mesmo que tire o som).
  • Postura mental: Na hora que antecede ao sono precisamos evitar discussões, preocupações, qualquer evento que traga reação emocional mais intensa. Conversar sobre coisas que tragam sensação desagradável, lembranças que causam raiva, tristeza… Evitar nessa hora ler, que é estimulante mental. Muitas pessoas dormem com o livro na mão e, acham que dormiram bem, mas não, pois o cérebro não “desliga”. Por último, não repasse o seu dia, ou o que tem para fazer no dia seguinte, isso também não desliga o cérebro e, pior, o sobrecarrega.
  • Exercícios próprios para induzir o sono saudável: importante fazer exercícios específicos de relaxamento, tomar um banho quentinho para relaxar, entre outras opções que façam o papel de “interruptor”. Se “desligar” certo o cérebro seu sono vai ser reparador e, aí ele “alimenta” bem o cérebro.

Agora é só rever, repensar e praticar. Afinal, uma vida sexualmente leve e saudável libera muita endorfina, dopamina…

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Isabel Rios Piñeiro
Apaixonada por ajudar cada pessoa na sua metamorfose em um ser mais saudável, próspero e feliz! É colunista do site Fãs da Psicanálise.


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here