O que será que as pessoas felizes têm em comum? O psiquiatra Robert Waldinger, diretor de um estudo sobre felicidade feito em Harvard, teve acesso a dados sobre a verdadeira felicidade e a sensação de satisfação.

Uma pesquisa feita na Universidade de Harvard, em Boston, desvendou o mistério e chegou à resposta que muita gente pensava nem sequer existir.

Muitos de nós passamos boa parte da vida tentando ser felizes. Mas, afinal, qual é o segredo da felicidade? O “Estudo de Harvard sobre o Desenvolvimento Adulto” – provavelmente o mais longo já feito sobre a vida adulta, se propôs a responder qual o segredo da felicidade. Realizado ao longo de 75 anos, o estudo foi feito com mais de 700 pessoas divididas em dois grupos: estudantes de Harvard e moradores das cidades vizinhas a Boston. Além das pessoas selecionadas, as famílias dos participantes também eram monitoradas por meio de entrevistas realizadas a cada dois anos, exames médicos e experiências de interação com outras pessoas.

No TED “Do que é feita uma vida boa?”, Waldinger lança a pergunta: Se você hoje fosse investir no seu melhor “eu” futuro, no que você colocaria seu tempo e energia?

A resposta não tem nada a ver com dinheiro, carreira ou status: pessoas felizes mantêm suas relações pessoais. Dentre as pessoas avaliadas no estudo, quem criou laços com outras pessoas viveu mais – e viveu melhor. O afeto compartilhado é o maior sucesso que alguém pode ter. Investir em amigos, família e amores é o melhor que você pode fazer por si mesmo.

(Fonte: blog.zenklub)

*Texto publicado com a autorização da administração do site.

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here