Nos 5 primeiros minutos de sua entrevista para o programa “Provocações”, Leandro Karnal – doutor em História Social pela USP, professor da Unicamp e autor de diversos livros – discorre sobre a felicidade. Karnal começa inspirado em Freud dizendo que “Sem a infelicidade, a frustração e o trauma não haveria cultura”.

Para ele, apesar de desejarmos intensamente a felicidade, somos fascinados pelo mal, a guerra e a desgraça. O apresentador Antonio Abujamra provoca (citando o poeta João Cabral de Melo Neto): “Felicidade dá trabalho”.

E Karnal finaliza a reflexão lembrando que felicidade para o brasileiro parece mau gosto e “para esquerda sempre pareceu falta de consciência” e que hoje o foco da felicidade é mais individual do que coletivo, como fora na Grécia.

Compartilhar
Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.



SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA