Deus ajuda a quem cedo madruga: você também já ouviu esse ditado, assim como ouviu muitas vezes que quem acorda cedo e dorme cedo é que conquista o mundo, e que trocar o dia pela noite destruirá sua saúde, etc.

Determinado a averiguar se meus hábitos notívagos um dia vão me destruir, decidi pesquisar um pouco a literatura científica a respeito.

Leia mais: Porquê e como acordar às 5 da manhã

Será que existem pesquisas que indicam correlação entre o período em que uma pessoa dorme e o quão bem-sucedida ou saudável ela é?

Existem. Mas elas indicam algo bem diferente.

Para começar, diversos estudos[1], [2], [3], mostram correlação positiva entre dormir tarde (e acordar tarde) e maior inteligência.

Isso não quer dizer que dormir tarde e acordar tarde produza maior inteligência, claro, mas que com maior frequência pessoas inteligentes dormem tarde e acordam tarde.

Leia mais: Respeite o seu perfil cronobiológico e tenha uma boa noite de sono

Por consequência, estas pessoas também são, em média, mais bem-sucedidas — ganham mais dinheiro e são mais realizadas em suas profissões — do que os que cedo madrugam [4].

Um outro estudo mostrou que aqueles que dormem e acordam tarde não vivem menos e não têm mais problemas de saúde que os que acordam cedo [5]. Com uma exceção: há uma pesquisa que indica que os que acordam tarde têm maior probabilidade de ficarem obesos [6] — talvez porque seja mais difícil achar uma academia aberta de madrugada do que de manhã.

De toda forma, como todos nós adoramos quando a ciência parece dar respaldo para nossos hábitos questionáveis, aí está, incomparavelmente mais bem fundamentado que qualquer episódio de Globo Repórter que falou o contrário.

Uma tonelada de evidência para mostrar que você não vai ser menos bem-sucedido ou menos saudável porque dorme amanhecendo e acorda ao meio-dia. Apenas procure sempre fazer atividade física.

Leia mais: Teste dos tipos cronobiológicos

Desculpem-me, mães de todo o Brasil.

P.S.: Várias coisas poderiam ser ponderadas a partir desses estudos. Por exemplo, talvez a maior renda de quem dorme tarde se deva ao fato de que trabalhadores braçais, operários e outros trabalhadores tipicamente mal-remunerados cumprem o expediente acordando cedo e dormindo cedo. Já pessoas com maior renda frequentemente se permitem o luxo de dormir mais tarde e acordar mais tarde.

A partir da diferença de renda, também dá para ponderar por que notívagos tiveram maior desempenho em testes de inteligência (escolaridade, inteligência e renda costumam estar associados).

Leia mais: Deixa ela dormir! Mulheres precisam de mais sono do que os homens, diz a ciência

Mas não levem isso tão a sério. É mais o levantamento de uma correlação divertida para contradizer quem implica com nossos hábitos noturnos. Porque, independentemente do motivo, ao menos os estudos sinalizam bem que dormir tarde e acordar tarde não vai condenar sua saúde ou sua prosperidade.

Referências:

[1] Richard D. Roberts, Patrick C. Kyllonen – Morningness eveningness and intelligence;
[2] Catharine Gale, Christopher Martyn – Larks and owls and health, wealth, and wisdom;
[3] Rachel Nuwer (para a Smithsonian Magazine) – Night Owl And Early Bird Teens Think Differently;
[4] Roger Dobson (para o Independent) – If you want to get ahead, be a night owl;
[5] Kenneth J. Mukamal, Gregory A. Wellenius, Murray A. Mittleman – Early to bed and early to rise: Does it matter?;
[6] American Academy of Sleep Medicine – Early to bed and early to rises.

(Autor: Pedro Sampaio)
(Fonte: ano-zero.com)
*Texto publicado com autorização da administração do site

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here