Entendo que o processo evolutivo não é opcional! Evoluir faz parte da missão de vida de cada um neste planeta e, quiçá, de outros também!

Já dizia, sabiamente, Jung: “Aqueles que não aprendem nada sobre os fatos desagradáveis da sua vida, forçam a consciência cósmica que os reproduza tantas vezes quanto seja necessário para aprender o que ensina o drama do que aconteceu.”

Considerando que a cada aprendizado expandimos a nossa consciência individual e, por consequência, evoluímos, então, que seja de forma amena e suave!

Para tanto, a ATENÇÃO ÀS REPETIÇÕES É FUNDAMENTAL … são sinais que a vida nos manda apontando que uma ATITUDE DIFERENTE é demandada naquela situação.

Nossa grande dificuldade é que costumamos CULPAR FATORES EXTERNOS, como mecanismo de autodefesa, pelos acontecimentos desagradáveis que nos ocorrem, quando na verdade, as situações são geradas de acordo com as crenças que NÓS possuímos sobre nós mesmos, sobre os outros e sobre a vida.

Quanto antes enxergarmos e entendermos as lições que a vida deseja nos ensinar e encararmos as nossas sombras de frente, SEM MEDO, COM AUTOACEITAÇÃO, COMPAIXÃO E CARIDADE, mais leve será a nossa jornada.

As situações se repetem em sua vida? Pergunte-se humildemente: Qual a minha responsabilidade sobre esse acontecimento? Será que de alguma forma atraio isso para a minha vida? Qual a minha crença sobre esse assunto?

Olhe para os seus antepassados próximos … mãe, pai, tios, irmãos, avós … será que isso se repete na vida deles também? As crenças são aprendidas, por experiência ou por observação. Se sim, trata-se apenas de reprodução de padrões familiares, o que é muito comum. Lembre-se: VOCÊ TEM O PODER DE MUDAR A SUA VIDA.

Toda atitude procede de um pensamento, que gera um sentimento e uma ação/reação, portanto, para que a transformação ocorra, COMECEMOS POR VIGIAR OS PENSAMENTOS para que entendamos a parte que nos cabe em cada acontecimento desagradável que nos abate e assim, começarmos a adquirir a capacidade de mudar os padrões de repetição em nossa vida.

Podemos brilhar muito mais!

Compartilhar
Gisele Mendonça
Psicóloga e coach para mulheres. Aprendiz e multiplicadora da lei da atração, fundadora da Brilho da Vida Coaching, atende como coach de realização pessoal e profissional em BH e via skype para todo o Brasil. Adora sonhar, mais ainda realizar ... e auxiliar na realização dos sonhos alheios! É colunista do site Fãs da Psicanálise.



11 COMENTÁRIOS

  1. Adorei o texto! Mudamos o padrão cerebral e tudo muda. Pessoas tóxicas , invejosas e opressoras eram uma constante até abrir espaço para pessoas amorosas, maravilhosas e normais que, antes, estavam abandonadas. Acabou a toxicidade! A troca sadia fluiu e o caminho tem outra luz. Não podemos ser reféns de ninguém e nem algozes! As pessoas sempre queriam o que era meu e isto se repetia até 2015. Li um fábula muito interessante:
    ” Um vagalume seguia seu caminho e, durante muitos anos, observava a presença de uma serpente a persegui-lo ,.até que um dia decidiu perguntar:
    – Por que me persegues? Por que não esqueces que existo?
    Respondeu a imponente serpente, do alto de sua quase onipotência:
    – Porque tua luz me incomoda! ”
    O vagalume prosseguiu sem jamais olhar para trás! ”

    Ignorar situações e pessoas garante nossa mudança de frequência no universo .
    Parabéns pela publicação!
    Monalisa Pimentel Macedo

  2. A reportagem é interessante, no entanto, esse site é para fãs de psicanálise, imagino eu que o assunto deveria possuir uma correlação com o nome do site. A partir do momento em que se trata ou aborda temas diferentes do inconsciente como pensamento, responsabilizacao do sujeito e crenças (características da terapia cognoitivo comportamental)ao invés de procurar correlações com o passado como preconiza a psicanálise gera uma incongruência entre as duas correntes de pensamentos.

  3. Interessante!!!estou em busca de resposta ou alguma explicação,para um fato que vem se repetindo na minha vida ,cada vez que conheço um rapaz me apaixono por ele descubro que sua mãe tem depressão,esquizofrenia …enfim cada uma com algo nesse sentido que acaba afetando um pouco o relacionamento,o primeiro inclusive durou 6 anos e a mae dele tinha esquizofrenia e isso afetou mto a relação ao ponto de eu ter terminado com ele .Mas agora cada vez que encontro uma pessoa legal começo a me envolver e apos isso descubro a tal sogra com problemas psiquiátricos,será que estou atraindo isso pra minha vida?presciso aprender a lidar cm isso ,mas como ?

  4. Dra, AMEI o texto!
    Sinceramente tenho me feito este questionamento várias e várias vezes por já ter observado que situações andam se repetindo na minha vida e entendo perfeitamente esse conceito “pensamentos geram uma ação e reação”, e faz TODO sentido. Porém, às vezes me esqueço disso e acabo deixando meus pensamentos de tristeza invadirem e tomarem conta do que não deveriam tomar. Eu precisava mesmo dessa luz! muito bem colocada suas palavras, guardarei esse texto para a vida 🙂

DEIXE UMA RESPOSTA