Este vídeo do canal “De Criança para Criança” mostra de uma forma bem simples a importância de conversarmos com as crianças sobre a morte, assunto muitas vezes evitado ou “floreado” por se acreditar que os pequenos não tem condições de compreender.

É claro que o ideal é sempre utilizar uma linguagem clara, compreensível e didática ao explicar para a criança sobre a morte ou o processo de luto e muitas vezes o lúdico se faz sim necessário, pois devemos levar em conta a delicadeza do assunto, principalmente se ela perdeu um ente próximo ou mesmo um bichinho de estimação.

Porém, é muito importante que as dúvidas dos pequenos sejam esclarecidas e que se fale com sinceridade para que eles possam aprender a lidar desde cedo com este momento e que evitem sofrimentos maiores. Mentir ou evitar responder a certas questões só trará mais incertezas e angústias às crianças.

“Quando eles [adultos] eram crianças os outros adultos não falaram da morte para eles… Criança só não entende o que não se explica. Mas os adultos só entendem o que eles conseguem explicar. Quando eles não entendem uma coisa, acham que ninguém mais pode entender” ressalta um trecho da animação.

Assista abaixo ao vídeo intitulado “O casulo e a borboleta”:

(Fonte:  Canal ‘De Criança para Criança’ )

Compartilhar
Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.



1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA