O estudo destinado a explicação dos nomes próprios recebe o nome de onomástica, que é um dos ramos da linguística que se inclui a Antroponímia (estudo dos nomes das pessoas).

A pesquisa foi realizada na School Stickers USA em 10 mil escolas num sistema de recompensa chamado “School Stickers”. Os instrutores pediram a 60.000 crianças para arquivarem os seus adesivos que receberam na escola pelo bom comportamento.

E depois de monitorar o comportamento dessas crianças e, com base nos seus próprios registros das etiquetas de bom comportamento na escola, os pesquisadores analisaram e divulgaram os “nomes dos danadinhos”. Ou seja, daquelas crianças com a maior probabilidade de se comportarem rebeldia.

É importante ressaltar que rebeldia não significa um ponto de ênfase negativa. Lembremos que, historicamente, as grandes invenções foram realizadas por pessoas portadoras de um espírito muito inquieto. Se vivêssemos em mundo só com pessoas de espírito manso, não teríamos grandes avanços em termos gerais. Pois o espírito sereno se harmoniza com tudo ao seu redor e convive bem com pouco. Mas o “rebelde” – por assim dizer – é aquele que não se conforma com o panglossianismo do “melhor dos mundos possíveis”. Certamente foi um desses espíritos rebeldes que inventaram a roda.

Leia mais: É mais fácil criar crianças fortes do que consertar adultos destroçados

É certo que pesquisa alguma é uma ciência exata. Trata-se daquela experiência com 60 mil crianças e, é claro, que fora dela existem exceções. Há nomes de crianças que estão na lista de levados que são verdadeiros anjinhos. Bem como há nomes na lista dos bonzinhos que são de crianças bem levadas. Como dizemos, são probabilidades e não regras.

A lista apresenta os nomes das crianças que se mostraram mais rebeldes durante a pesquisa. Isso está provado nesta pesquisa realizada em escolas dos Estados Unidos.

Como o estudo não foi realizado no Brasil e os nomes não correspondem, precisamente, fizemos uma lista com base nos estudos da especialista em onomástica (estudo dos nomes próprios) e antroponímia (o estudo dos nomes de pessoas), Maria Vicentina do Amaral Dick, da Universidade de São Paulo. Vamos lá:

Top 10 das meninas danadinhas

meninas 1

1. Alice

A origem do nome Alice é Grego e significa verídica, autêntica, a verdadeira

2. Sofia

A origem do nome Sofia é Grego e significa sabedoria

3. Beatriz

A origem do nome Beatriz é Latim. Significa bem-aventurada ou aquela que faz os outros felizes.

4. Laura

A origem do nome Laura é Latim. Significa coroa de folhas de louro.

5. Júlia

A origem do nome Julia é italiana. Significa cheia de juventude.

6. Ágata

O nome Ágata significa Bem.

7. Gabriela

A origem do nome Gabriela é Hebraico e significa enviada de Deus, força de Deus

8. Rafaela

A origem do nome Rafaela é Hebraico e significa curada por Deus.

9. Sara

A origem do nome Sara é do Hebraico Sarah e significa princesa.

10. Ana

A origem do nome Ana é Hebraico. Significa cheia de graça, que tem compaixão, clemência.

Top 10 dos meninos danadinhos

1. Victor

A origem do nome Victor é Latim e significa vitorioso.

2. Artur

A origem do nome Artur é Celta. Arth-wr, o nobre, o generoso.

3. Gabriel

A origem do nome Gabriel é Hebraico. Significa enviado de Deus ou força de Deus.

4. Bernardo

A origem do nome Bernardo é Teutônico. Significa forte como um urso.

5. Guilherme

A origem do nome Guilherme é Teutônico. Significa o que protege, o protetor.

6. Pedro

A origem do nome Pedro é Aramaico. Significa Pedra ou Rocha firme.

7. Miguel

A origem do nome Miguel é Hebraico. Significa aquele parecido, mas não igual a Deus.

8. Gustavo

A origem do nome Gustavo é Sueco e significa bastão de combate ou cetro do rei.

9. Henrique

A origem do nome Henrique é do Teutônico Heinrik, que significa príncipe poderoso ou senhor do lar

10. Rafael

A origem do nome Rafael é do Hebraico Rephael que significa curado por Deus ou Deus curou.

Top 10 das meninas bem-comportadas

1. Bruna

A origem do nome Bruna é Teutônico e significa morena, escura.

2. Isabel

A origem do nome Isabel é do Hebraico Izebel ou uma derivação de Elizabete do Hebraico Elishebba. No Francês Isabelle e no Espanhol Isabel. Significa a casta, a pura ou aquela que cumpre com as promessas.

3. Mariana

A origem do nome Mariana é a combinação de dois nomes bem comuns: Maria e Ana. Maria é Hebraico e significa senhora soberana, pura e vidente. Ana é Hebraico. Significa cheia de graça, que tem compaixão, clemência.

4. Juliana

A origem do nome Juliana é Latim. Significa cheia de juventude ou na mitologia grega filha de Júpiter

5. Diana

A origem do nome Diana é Latim. Significa Brilhante, a divina. Nome da deusa da caça.

6. Débora

A origem do nome Débora é do Hebraico Debhoráh e significa a abelha laboriosa.

7. Jessica

O nome Jéssica é feminino e de origem hebraica Yiskah. Significa olhar para frente ou a observadora.

8. Raquel

A origem do nome Raquel é Hebraico. Significa Calma como uma ovelha.

9. Joana

A origem do nome Joana é Latim. Significa Deus é cheio de bênçãos.

10. Érica

O nome Érica significa governante da Lei.

Top 10 dos meninos bem-comportados

1. David

A origem do nome Davi é do hebraico David e significa Amado, Predileto, Respeitado

2. Nuno

A origem do nome Nuno é Latim. Do latim pai, avô, peixe.

3. Daniel

A origem do nome Daniel é Hebraico Daniyyel. Significa Deus é meu juiz.

4. Eduardo

A origem do nome Eduardo é do Anglo-Saxão Eadward, que significa guardião das riquezas.

5. Bruno

A origem do nome Bruno é Teutônico. Significa moreno, escuro ou do germânico luminoso, brilhante.

6. Tiago

A origem do nome Tiago é Hebraico. Variante de Tiago que significa O que suplantou.

7. João

O nome João significa Javé é gracioso ou agraciado por Deus.

8. Samuel

A origem do nome Samuel é Hebraico e significa aquele a quem Deus ouve ou ouvido por Deus.

9. Diogo

A origem do nome Diogo é Latim. Do latim Didacus, que significa instruído, belo. O conselheiro.

10. Hugo

A origem do nome Hugo é Teutônico. Ajuizado. Do alemão pensamento, espírito, razão.

Considerações finais:

Reiteramos o terceiro parágrafo da introdução no que refere esta lista não se trata de estudo cientifico. Parte de uma dialética empírica inspirada na pesquisa americana e com base dos estudos da onomástica. Vale lembrar que o caráter de uma pessoa independe de seu nome, formação religiosa, seu gênero, sua cultura, seus ideais partidários e etc. O que determina quem é uma pessoa não é o seu nome, tampouco suas habilidades. Embora suas habilidades sirvam para revelar um pouco de sua natureza, são as suas escolhas (entre o bem e mal) que vão dizer realmente quem ela é.

Contudo é muito bacana – grifo ‘bacana’ – ler sobre os estudos dos nomes. Há pessoas muito infelizes com os seus nomes. Eu mesma odiava o meu e ele nem era esdrúxulo. Entrei na justiça e o troquei para um nome que me fizesse feliz sempre que alguém me chamasse. Sabe, isso é possível. Quem tem mais de 18 anos e quer trocar o nome, pode. Pois a Lei compreende que “você não foi consultado para escolher o seu nome”. Não é fácil fazer isso, pois você terá de percorrer um longo processo. Mas, enfim, valerá a pena.

(Autoria: schoolstickers.com)
(Fonte: portalraizes.com )

Compartilhar
Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.



2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA