Dizem que fazer o bem é esquecer-se de si mesmo e dar tudo para os outros; mas isso não é verdade. Agir adequadamente, com integridade e por sua vez promover o bem-estar daqueles que nos rodeiam, não supõe “abandonar a si mesmo”.

Que sempre busca o melhor para o conjunto age de acordo com a voz interior, e com seus próprios valores. Se não o fizesse, iria contra suas próprias essências e, em seguida, provocaria sérios danos à sua identidade.

“Dizem que há decepções que nos fazem abrir os olhos e fechar nossos corações. É uma dor que nos obriga a sermos mais cautelosos, mas que nunca deve levar-nos a perder a nossa capacidade de fazer o bem.”

De alguma forma, essa ideia nos lembra uma mensagem que Saint-Exupery nos deixou em O Pequeno Príncipe: “Seria uma loucura odiar todas as rosas porque uma te espetou.”

Porém só porque sofremos uma decepção não devemos odiar o resto do mundo e, além disso, não vamos mudar a nossa filosofia de vida por termos experimentado muitas decepções. Você pode vestir-se com prudência, com armadura de cautela, mas nunca de rancor ou ódio. Não vale a pena.

Ainda que me decepcionem não cansarei de fazer o bem

Todos contamos com mais de uma história pessoal marcada pela decepção. Algumas doem mais do que outras, e até mesmo nos obrigaram a perder essa inocência inicial com a qual geralmente viemos a este mundo.

“Dizem que até mesmo o coração mais amoroso se cansa de ser ferido, mas apesar das muitas feridas que recebemos nunca devemos perder a nossa capacidade de amar, de querer aqueles que realmente merecem.”

Na vida nós investimos tempo, emoções, sonhos e esperanças em atingir determinados objetivos. Às vezes são somente aspirações, às vezes são investidos em certas pessoas que, em algum momento, podem nos decepcionar.

  • Quando queremos algo com grande intensidade e perdemos, a decepção e o vazio aparecem.
  • Não apenas perdemos essa relação, esse sonho, também perdemos uma parte de nós mesmos.
  • O maior perigo das decepções é cair em desespero. Por algo que não aconteceu de acordo com nossas expectativas, não foi como esperávamos … e isso dói tanto que podemos gerar a sensação de que tudo o que fizermos, vai ter o mesmo resultado.
  • São muitas as vezes em que certas falhas e desilusões geram em nós sentimentos negativos como raiva, ódio, ressentimento ou frustração.
  • Toda aquela emoção negativa mantida cronicamente ao longo do tempo pode mudar a nossa visão sobre a vida, pessoas, e até mesmo sobre a idéia de que as pessoas boas ainda podem existir no mundo.

Nós nunca devemos nos permitir chegar até estes pontos nos quais perdemos completamente nossos valores. Porque quando nós perdemos nossos valores perdemos tudo, e se você perder a sua capacidade de fazer o bem pensando que não vale a pena, vai deixar de ser você mesmo. Deixará de reconhecer-se sempre que se olhar no espelho.

Como superar uma decepção para seguir confiando em si mesmo e naqueles ao seu redor

Aceite tudo o que acontece em sua vida, seja bom ou ruim, aceite, integre e siga em frente da mais leve maneira possível. Se armazenar rancor andará mais lentamente, se guarda raiva buscará vingança, se esconde ódio ficará preso e perderá completamente a sua capacidade de fazer o bem.  De gerar felicidade.

“Nesta vida não somos mais que breves passageiros em uma estrada onde as pessoas que fogem do ódio e ressentimento serão capazes de desfrutar a viagem com maior sabedoria e integridade.”

Nós sabemos que nem sempre é fácil enfrentar uma decepção, mas se tem algo que não devemos permitir é que o mau comportamento dos outros nos contagie até o ponto de nos mudar. De nos fazer acreditar que não existem boas pessoas ou que as pessoas boas sempre acabam feridas.

Tome nota de como se proteger de decepções na medida:

  • Tente viver no “aqui e agora”, lide com isso sem gerar expectativas excessivas sobre o que deve ou vai acontecer. Deixe-se levar.
  • Aceite que decepções fazem parte do processo de vida e que devemos aprender com elas. Não deixe que elas te transformemem algo que você não é.
  • Entenda que você não pode controlar o que os outros fazem, seja bom ou ruim. Você sabe quem é e o que quer, e sabe que fazer o bem é parte de suas raízes, sua essência vital.
  • Acredite nos outros, até que se prove o contrário. Permita-se confiar, ter experiências, nobreza em seu coração e merecerá sempre encontrar o melhor nas pessoas.


“Interprete decepções como uma renovação: é experiência e um claro exemplo do que você não quer repetir. Nunca perca sua capacidade de fazer o bem por mais que muitas vezes te desapontem, machuquem.”

(Fonte: https://lamenteesmaravillosa.com/aunque-te-decepcionen-no-te-canses-bien/)

Compartilhar
Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.



1 COMENTÁRIO

  1. Genteee…curti demais esse post.
    Era tudo o que eu precisava ler..pra eu não perder minha essência…pq aja decepção nessa vida.
    Parabéns #SuperPost

DEIXE UMA RESPOSTA