No cinema foram diversos os filmes retratando a psicopatia e psicopatas, geralmente relacionados a filmes de suspense.

Pensando nisso é importante dizer – mesmo que isso já seja implícito em todas as outras listas – não se tratam dos melhores filmes sobre a temática, apenas boas indicações.

Dessa forma, alguns filmes sobre psicopatas bastante recorrente nas listas (como O Silêncio dos Inocentes) não constarão por aqui – mas sinta que este também foi mencionado, afinal – outros como Psicose e Iluminado não puderam ficar de fora.

A psicopatia é uma designação psicológica atribuída ao indivíduo com padrão comportamental caracterizado pela ausência de empatia, antissocialidade, e controle comportamental instável.

As consequências da psicopatia estão relacionadas a falta de remorso em atos considerados moralmente abomináveis, levando-o a cometer crimes. A psicopatia está também relacionada a indivíduos com alto grau de liderança por sua capacidade de manipulação.

Confira alguns filmes sobre a temática.

Elle

Direção: Paul Verhoeven
País: França; Bélgica; Alemanha
Nome Original: Elle

Michèle (Isabelle Huppert) é a executiva-chefe de uma empresa de videogames, a qual administra do mesmo jeito que administra sua vida amorosa e sentimental: com mão de ferro, organizando tudo de maneira precisa e ordenada. Sua rotina é quebrada quando ela é atacada por um desconhecido, dentro de sua própria casa. No entanto, ela decide não deixar que isso a abale. O problema é que o agressor misterioso ainda não desistiu dela.

Violência Gratuita

Direção: Michael Haneke
País: Áustria
Nome Original: Funny Games

O que seria um bucólico período de férias à beira de um lago para Anna, George e seu filho pequeno, transforma-se num pesadelo quando recebem a visita de um casal de jovens psicopatas, que os submetem a um tenso jogo de tortura psicológica.

Leia mais: 11 filmes do Netflix que todo apaixonado por psicologia deve assistir

A Tortura do Medo

Direção: Michael Powell
País: Reino Unido
Nome Original: Peeping Tom

Como garoto, Mark Lewis sofria experimentos bizarros pelo seu pai cientista, estudante dos efeitos do medo no sistema nervoso das pessoas. Agora crescido, com seus pais já mortos, ele vira um psicopata que assassina mulheres somente para gravar suas expressões de terror no momento da morte.

O Mensageiro do Diabo

Direção: Charles Laughton
País: EUA
Nome Original: The Night of the Hunter

Baseado em romance de Davis Grubb, conta a história de um assassino de viúvas ricas que, ao sair da prisão, persegue uma família para encontrar o dinheiro que o pai, que conhecera na cadeia, havia guardado em lugar não revelado.

The Act of Killing

Direção: Joshua Oppenheimer
País: Dinamarca; Noruega; Reino Unido
Nome Original: The Act of Killing

Documentário traz entrevista com o líder paramilitar Anwar Congo e seus comparsas, incluindo o dono de um jornal, todos assassinos confessos vivendo livremente na Indonésia, orgulhosos de todos os seus crimes. Os diretores convencem Congo e sua gangue, que chegaram ao poder após o golpe militar de 1965, a encenar suas táticas de tortura e matança, como se fosse um filme de verdade, incluindo figurinos e efeitos especiais.

Leia mais: 10 Filmes para Almas Sensíveis (e Chorar Litros)

Terror na Ópera

Direção: Dario Argento
País: Itália
Nome Original: Opera

Uma suposta maldição persegue a montagem da ópera “Macbeth”, de Verdi. Reforçando a lenda, a apresentação do espetáculo no Teatro Scala de Milão inclui corvos que aparecem degolados, operários assassinados e acidentes bizarros, como holofotes que caem na platéia. Tudo parece girar em torno da soprano Betty, que tornou-se alvo de um perigoso psicopata mascarado capaz de tudo para tê-la.

Onde os Fracos não tem Vez

Direção: Irmãos Coen
País: EUA
Nome Original: No Country for Old Man

Texas, década de 80. Um traficante de drogas é encontrado no deserto por um caçador pouco esperto, Llewelyn Moss (Josh Brolin), que pega uma valise cheia de dinheiro mesmo sabendo que em breve alguém irá procurá-lo devido a isso.

Logo Anton Chigurh (Javier Bardem), um assassino psicótico sem senso de humor e piedade, é enviado em seu encalço. Porém para alcançar Moss ele precisará passar pelo xerife local, Ed Tom Bell (Tommy Lee Jones).

M, o Vampiro de Dusseldorf

Direção: Fritz Lang
País: Alemanha
Nome Original: M

Um misterioso infanticida leva o terror a Dusseldorf. A polícia local não consegue capturar o serial killer então um grupo de foras-da-lei se une para encontrar o assassino. Capturado pelos marginais, ele é julgado por um tribunal de criminosos e é acusado de ter quebrado a ética do submundo.

Veludo Azul

Direção: David Lynch
País: EUA
Nome Original: Blue Velvet

Um rapaz simplório envolve-se em uma perigosa investigação sobre os negócios de um traficante de drogas, que mantém uma relação sadomasoquista com uma bela cantora de cabaré.

O Bandido da Luz Vermelha

Direção: Rogerio Sganzerla
País: Brasil

Marginal paulista chamado João Acácio Pereira, mais conhecido como Bandido da Luz Vermelha, coloca a população em polvorosa e desafia a polícia ao cometer os crimes mais requintados – de estupro a assassinatos. Ele conhece a provocante Janete Jane, famosa em toda a Boca do Lixo, por quem se apaixona.

Leia mais: 11 filmes do Netflix que todo apaixonado por psicologia deve assistir

O Iluminado

Direção: Stanley Kubrick
País: EUA
Nome Original: The Shining

Durante o inverno, um homem, é contratado para ficar como vigia em um hotel no Colorado, e vai para lá com a mulher e seu filho. Porém, o contínuo isolamento começa a lhe causar problemas mentais sérios e ele vai se tornado cada vez mais agressivo e perigoso, ao mesmo tempo que seu filho passa a ter visões de acontecimentos ocorridos no passado, que também foram causados pelo isolamento excessivo.

Elefante

Direção: Gus Van Sant
País: EUA
Nome Original: Elephant

Um dia aparentemente comum na vida de um grupo de adolescentes, todos estudantes de uma escola secundária de Portland, no estado de Oregon, interior dos Estados Unidos.

Enquanto a maior parte está engajada em atividades cotidianas, dois alunos esperam, em casa, a chegada de uma metralhadora semi-automática, com altíssima precisão e poder de fogo. Munidos de um arsenal de outras armas que vinham colecionando, os dois partem para a escola, onde serão protagonistas de uma grande tragédia.

Psicose

Direção: Alfred Hitchcock
País: EUA
Nome Original: Psycho

Marion Crane, rouba a firma em que trabalha e foge para recomeçar sua vida. Uma tempestade a faz parar num hotel de beira de estrada, onde é recebida pelo estranho, porém afável, Norman Bates, que cuida do lugar. Quando Marion, desaparece, sua irmã e o amante decidem investigar.

Leia mais: 20 filmes perfeitos escondidos no Netflix

Laranja Mecânica

Direção: Stanley Kubrick
País: Reino Unido
Nome Original: A Clockwork Orange

Em uma desolada Inglaterra do futuro, a violência das gangues juvenis impera, provocando um clima de terror.

Alex (Malcolm McDowell) lidera uma das gangues e, após praticar vários crimes, é preso e submetido à reeducação pelo Estado, com base em uma técnica de reflexos condicionados.

Quando ele volta à sua vida em liberdade, é perseguido por aqueles que foram suas vítimas, Mr. Alexander (Patrick Magee) e sua esposa.

Precisamos Falar sobre Kevin

Direção: Lynne Ramsay
País: EUA; Reino Unido
Nome Original: We Need to Talk About Kevin

Eva (Tilda Swinton) mora sozinha e teve sua casa e carro pintados de vermelho. Maltratada nas ruas, ela tenta recomeçar a vida. O motivo disso vem de seu passado, quando vivia com seu marido Franklin (John C. Reilly) e seus dois filhos: Kevin (Jasper Newell/Ezra Miller) e Celia (Ashley Gerasimovich). Seu relacionamento com o primogênito, Kevin, sempre foi complicado, mas Eva jamais imaginaria o que ele seria capaz de fazer.

Eu Vi o Diabo

Direção: Kim Jee Woon
País: Coreia do Sul
Nome Original: Akmareul Boatda (I Saw the Devil)

A noiva de um agente secreto é morta por um serial killer. Cego pela fúria, ele começa a investigar os possíveis suspeitos do crime, até finalmente identificar o culpado. Mas, ao invés de matá-lo, resolve pôr em prática uma terrível e lenta vingança.

Stoker

Direção: Chan Wook Park
País: Coreia do Sul
Nome Original: Stoker

Em pleno luto por causa da morte de seu pai, India (Mia Wasikowska) deve lidar com o novo comportamento agressivo de sua mãe (Nicole Kidman) e com a chegada inesperada de um tio que ela nem sabia que existia, Charlie (Matthew Goode). Este homem sombrio esconde as reais motivações de sua visita, enquanto seduz as duas mulheres da família.

A Sombra de uma Dúvida

Direção: Alfred Hitchcock
País: EUA
Nome Original: Shadow of a Doubt

O Tio Charlie vai visitar seus parentes na cidadezinha de Santa Rosa. Mas sua sobrinha, também chamada de Charlie, começa a suspeitar de que ele é o famoso Assassino de Viúvas Alegre, um criminoso que está sendo procurado pela polícia e fugiu da Filadélfia para a Califórnia.

Fonte: Cineplot

Autor: Philippe Leão

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here