Todos passamos por momentos de dificuldades … julgamentos inadequados, agressividades, ingratidões, desemprego, rupturas de relacionamentos, sejam eles familiares, amorosos ou de pessoas que queremos bem, enfim … somos acometidos por turbulências  que nos tiram do centro.

O sofrimento é inevitável … nos falta o ar, perdemos o chão! Sentimos dores físicas decorrentes das dores emocionais e caso esse sofrimento seja prolongado, podemos,  inclusive, adoecer! Não queremos isso … conscientemente, ninguém quer!

Nesses horas, as ajudas são sempre bem-vindas! Então, atenção às dicas para passar mais rapidamente pelas turbulências, já que as dores são inevitáveis!

  1. Mantenha a positividade!

Eu sei, sei muito bem! Quando estamos no olho do furação é QUASE impossível  nos mantermos positivos. Quer dizer que o mundo está desabando em nossa cabeça e temos que pensar em coisas positivas? Sim, temos. Se é QUASE impossível … então É TOTALMENTE POSSIVEL!

Acontece que nosso cérebro não consegue distinguir imaginação de realidade. Tudo que se passa em nossa mente é compreendido como real! Temos como exemplo os sonhos. Quando sonhamos, aquelas cenas não estão, de fato, acontecendo na realidade … mas nosso corpo e nossas emoções respondem de acordo com o que está se passando em nossa mente … se é um pesadelo, temos taquicardia, sudorese, acordamos totalmente horrorizados … com os sonhos bons, ocorre o mesmo processo!

Isto posto, o negócio é proporcionar à nossa mente alguns momentos de “fuga da realidade”. Isto quer dizer que ao invés de ficarmos focados no problema, mudamos o foco para a solução! Mesmo que não saibamos qual é a solução certa para a situação, imagine uma cena que seria ideal para aquele problema … principalmente, uma cena que traz ALIVIO e ALEGRIA ao imaginá-la! Pare em alguns momentos do dia para fazer este exercício mental de visualização. Após alguns minutos com a cena em mente, as emoções já começam a se alterar … como em nossos sonhos! Para ajudar, no início, busque na internet algumas meditações guiadas.  Faça, no mínimo, ao acordar e antes de dormir e insira nos exercícios respirações profundas, pois ajudam a relaxar. Com a prática regular, os pensamentos começam e se reconfigurar, alterando as nossas emoções para acelerar o processo de bem estar!

2- Sinta gratidão.

O universo é perfeito e a vida, mesmo com as dificuldades, nos providencia a acolhida que necessitamos.

Reparem quantas demonstrações de afeto recebemos quanto algo vai mal! Notem quantas pessoas manifestam carinho quando estamos abatidos! Se por um lado nosso mundo, de alguma forma, se destrói … por outro, recebemos muito apoio para reconstruí-lo! Sim, são “anjos” que nos auxiliam nos momentos difíceis. Saibam reconhecer esta dádiva … sintam-se amados, bem quistos, aceitem as ajudas de peito aberto e, acima de tudo, DEIXE A GRATIDÃO INVADIR O SEU SER! É uma benção … receba, reconheça e se reconstrua a partir daí!

3- Livre-se do passado!

Tudo o que aconteceu no momento passado é notícia velha! Remoer ressentimentos não resolve os problemas, apenas alimenta dores e sofrimentos. Livre-se dos pensamentos tóxicos … abençoe o passado e liberte-se dele! Traga apenas os aprendizados … daqui para a frente, é apenas a parte que nos cabe! Não culpe, nem sinta-se culpado … não resolve … o que foi é notícia velha!

Aproveite o momento para trabalhar a compaixão … por você e pelos outros! Aproveite para crescer, para se fortalecer! Entenda que estamos todos em processo evolutivo e ficar apontando para as falhas, sejam as nossas ou dos outros, só serve para atrasar o processo!

Por fim, mantenha os seus sonhos independente das opiniões alheias … eles são os combustíveis necessários para as realizações! Podemos brilhar muito mais!

Compartilhar
Gisele Mendonça
Psicóloga e coach para mulheres. Aprendiz e multiplicadora da lei da atração, fundadora da Brilho da Vida Coaching, atende como coach de realização pessoal e profissional em BH e via skype para todo o Brasil. Adora sonhar, mais ainda realizar ... e auxiliar na realização dos sonhos alheios! É colunista do site Fãs da Psicanálise.



2 COMENTÁRIOS

  1. O pior é quando se recolhe a sua dor momentânea e as pessoas ao seu redor axham que você está isolada pq é orgulhosa, ingrata, , ninguém se preocupa com o que de fato está se passando com você, elas apenas julgam que você não está merecendo a atenção delas e te isolam por achar que assim você aprenderá a valorizar a amizade delas, tudo isso porque são egoistas,e não se importam em saber o que está causando esse seu comportamento, apenas se sentem ofendidas com o seu isolamento e ainda envenenam os outros contra você de modo que todos te isolam sem ao menos saber o que está de fato acontecendo, e o pior é que tudo isso é orquestrado por sua mãe e sua irmã que se julgam donas da verdade e o mais incrível é que as pessoas compram o discurso delas, consegue entender como me sinto, um lixo, mais ainda assim quando precisam de mim, ai lembram que eu existo.Estou cansada desse tipo de relação.

    • Querida Liana.
      Com não recebo notificações dos comentários do site, só agora vi a sua mensagem.
      Cada pessoa possui uma forma de enxergar a vida e as situações. Dentro ou fora da família, estamos sempre nos deparamos com julgamentos. No entanto, é importante que o nosso bem estar não esteja vinculado com os acontecimentos externos, e sim, à paz e o amor que devemos encontrar dentro de nós. Ajudar as pessoas é sempre bom, mas quando aprendemos a relevar as atitudes alheias tomamos o controle de nossas emoções e de nossa própria felicidade. Estamos todos em processo de evolução, sempre aprendendo.
      Quando relevamos, o bem que fazemos é por nós mesmas. Quando deixamos a irritação nos dominar, somos também nós que sofremos.
      A vida é um constante aprendizado.
      Sucesso para você.
      Luz e gratidão.
      Gisele Mendonça

DEIXE UMA RESPOSTA