1 – Encare a realidade de frente! Nada de falar que o cara é gay ou coisa do gênero. Está todo mundo vendo você se prestar a esse papelão. Ele simplesmente não te quis, nem todo mundo é obrigado a te querer, você também já deu vários foras. Não leve para o lado pessoal o fato de você não ser o tipo que ele gosta, não significa que ele seja um babaca que não reconhece seus atributos, isso só significa que ele gosta de outro perfil. Isso não te faz pior que ninguém. Saiba perder com dignidade, seja superior. Quando encontrar esse homem, trate-o com educação, mostre-o que não tem tanta importância assim e ainda que não tenha superado, finja que superou.

2 – Tá doendo muito? Lamba as feriadas por alguns dias, mas em seguida levante-se e erga a cabeça. Você vai precisar sacudir essa poeira. Simplesmente pare de falar no assunto, mude o foco. É importante encarar esse momento ruim e vive-lo. Ouça pagode dos anos 90, chore horrores no ombro das amigas, coma brigadeiro até passar mal simmmmm. Dê um tempo para você e vivencie essa dor com suas vísceras, mas encerre o assunto o quanto antes, engula o choro, vire a página e vá buscar algo interessante para fazer. Não perca um tempo precioso da sua vida chorando em cima do leite derramado.

Leia Mais: Para psicólogo, dor da rejeição ativa mesmas áreas da dor física

3 – Acolha-se, seja legal com você mesma, se dê de amor! Afaste os pensamentos de que eu sou feia, não sou atraente, não sou interessante o suficiente e por isso fui rejeitada. Se você acha que algo em você precisa mudar, mude! Mexa esse doce, cuide-se, ame-se, mas nada de autoflagelo. Nada de ficar se comparando, em especial se você foi trocada por outra. Essa é a lei da selva, hoje você é trocada, amanhã você irá trocar alguém, hoje você é rejeitada, amanhã rejeitará alguém. Aprenda a encarar essa situação com mais naturalidade. Quanto tempo ainda pretende ficar aí caída?

4 – O que você anda fazendo da sua vida? Uma mulher para ficar tão ferida por conta de uma rejeição, com certeza é dependente da aceitação do outro. Vamos inverter esse jogo? Quer dizer que se o outro te der um fora você deixa de existir? Olhe-se no espelho reconheça todas as suas qualidades, reforce o que você tem de melhor. Se tem alguma coisa ruim, conserte, mude! Se é chata e pegajosa demais, insegura, ciumenta… Admita tudo isso e busque ajuda psicológica para superar essas limitações. Se está se sentindo feia, se algo no seu corpo te incomoda, vá correr atrás do prejuízo, busque a melhor versão de você mesma, se arrume, emagreça, engorde (se for o caso), mude o cabelo, mas não faça isso pelos outros, faça por você! Você é a pessoa mais importante do mundo e merecedora de todo cuidado, amor e consideração.

5- Jamais priorize o relacionamento a dois na sua vida. Mulher desesperada para namorar e casar é o repelente perfeito. Nenhum homem quer ficar perto de alguém que não tem vida, não tem objetivos e não tem talentos. Não seja uma caçadora de homem compulsiva. Seja uma mulher com uma vida abundante, cheia de projetos e objetivos que não envolvam encontrar um marido. Olhe para sua vida agora, você está onde gostaria no aspecto profissional, por exemplo. Você já fez aquela viagem tão sonhada? Você já tem sua independência financeira? Aprenda algo novo, faça um curso. Crie vida para a sua vida! Brilhe e torne-se irresistível aos olhos de qualquer homem, quando ele perceber que você tem vida própria e que ele, se quiser, vai ter que ser O CARA pra te conquistar. Quando o relacionamento amoroso não for sua única prioridade, você vai exalar poder e sedução e todos passarão a ter ver com outros olhos.

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.


1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here