A convivência com a ansiedade é algo difícil, não apenas para as pessoas que a têm, mas também para as pessoas ao redor.

Se você é uma dessas pessoas, sabe muito bem o quanto é triste estar com alguém ansioso e faria qualquer coisa para tornar  a vida em comum mais leve.

Independentemente de lutarmos com a ansiedade há coisas que todos precisamos para tornar o mundo um pouco mais seguro, um pouco mais previsível, um pouco menos assustador. Se você ama alguém com ansiedade, é provável que eles tenham essas características:

1. Eles vão falar sobre sua ansiedade quando se sentirem prontos.
No meio de um ataque de ansiedade, nada fará sentido; portanto, é melhor não perguntar o que está acontecendo ou se eles estão bem. Não, eles não se sentem bem. E sim, parece que o mundo está caindo aos pedaços.

Pergunte se eles querem ir para outro lugar, talvez para um lugar mais calmo ou mais privado. Não entre em pânico ou faça qualquer coisa que lhes dê a ideia de que eles precisam de cuidados. Dê um passeio com eles ou simplesmente esteja lá. Logo isso passará e, quando acontecer, eles poderão conversar com você sobre o que aconteceu. Mas espere por isso e depois apenas ouça.

2. Eles são ótimos para se ter por perto.

Por causa de sua necessidade de permanecerem seguros e se prepararem para a próxima vez que a ansiedade surgir, as pessoas que lutam contra a ansiedade geralmente têm um plano e trabalharam duro para garantir que funcione para todos os envolvidos, não apenas para si mesmos. Eles garantirão que tudo tenha sido organizado para manter todos em segurança, felizes, dentro do prazo e sem problemas.

Observe as coisas boas que eles fazem – há muitas. Deixe que eles saibam que você os ama por causa de quem eles são, incluindo quem eles são com ansiedade, não apesar disso.

3. Eles não podem ajudar o que seu cérebro faz.
Há uma parte primitiva de todos os nossos cérebros que é voltada para detectar ameaças. Para algumas pessoas, ela dispara muito mais cedo e com muito menos razão do que em outras. Quando isso ocorre, aumenta no corpo o cortisol (hormônio do estresse) e adrenalina para preparar o corpo para correr por sua vida ou lutar por ela. Esta é a resposta de luta ou fuga e está em todos. O botão “ir” é um pouco mais sensível para pessoas com ansiedade.

4. Eles apreciam quando você tenta entender como eles se sentem.
Faz a diferença poder falar sobre ansiedade sem precisar explicá-la. Nos dias em que eles não sentem vontade de falar sobre isso, significa que você simplesmente “entenda”. Se você tentou entender tudo o que pode sobre o que significa ter ansiedade, então é o bastante. É difícil entender a ansiedade – as pessoas com ansiedade serão as primeiras a dizer isso -, mas isso significa tudo o que você tentou.

5. Às vezes, dizem “não”, mas não levam para o lado pessoal.
Pessoas com ansiedade estão super conscientes de tudo o que está acontecendo – cheiros, sons, pessoas, possibilidades. É cansativo quando sua atenção é atraída para muitas coisas. Não tome “não” pessoalmente. Só porque eles podem não querer fazer o que você está fazendo, isso não significa que eles não querem ficar com você. Continue oferecendo, mas seja compreensivo e diga “não é grande coisa” se você não aceitar sua oferta. Eles estão dizendo não a um ataque de ansiedade em potencial, não a você.

6. Eles precisam de amigos que tenham compaixão.
Fale o que você ama neles. Haverá momentos em que as pessoas com ansiedade sentirão que são sua ansiedade e que são uma fonte de dificuldade. Especificamente, estou falando sobre quando os planos precisam ser alterados, quando você precisa reservar algumas tarefas para outro dia, desligar o rádio ou o levar até o longo caminho de volta para casa.

7. O caráter deles não é definido pela ansiedade.

Todos temos nossos limites, mas as pessoas com ansiedade estão mais conscientes deles. Apesar disso, eles estão constantemente enfrentando as coisas que os sufocam. Isso é coragem, e as pessoas com ansiedade têm isso em caminhões. Eles são fortes, inteligentes e sensíveis – serão tão sensíveis com você e ao que você precisa quanto com eles mesmos. Isso os torna bastante incríveis de se estar.

Eles podem ser engraçados, gentis, corajosos e espirituosos. Realmente, eles não são diferentes de ninguém. Como todo mundo, existem tropeços às vezes também e é o que os fazem diferentes da multidão.

8. Eles nem sempre reagem à ansiedade da mesma maneira.
A ansiedade pode ser escorregadia. Às vezes, parece que você espera que a ansiedade os calem; outras vezes, parecem irritadiços, deprimidos ou frustrados. Lembre-se disso e não leve para o lado pessoal.

9. Eles sabem que a ansiedade nem sempre faz sentido – e é isso que a torna tão difícil.
Explicar que não há nada com que se preocupar ou que eles devam “superar isso” não significa nada, porque eles já sabem disso. Seja compreensivo, calmo e relaxado e, acima de tudo, apenas esteja lá. A ansiedade é instável e muitas vezes não há nada melhor do que ter alguém ao seu lado que esteja disponível para passar por isso junto deles sem tentar mudá-los.

10. Eles não precisam que você os mude.
Você vai querer dar conselhos, mas não. Deixe que eles saibam que, para você, eles estão absolutamente bem do jeito que estão e você não precisa alterá-los ou corrigi-los. Se eles pedirem seu conselho, dê. Caso contrário, deixe que eles saibam que são suficientes. Mais do que suficiente, na verdade. Do jeito que são.

11. Eles estão tentando controlar o ambiente deles, não você.
A necessidade de controlar tudo o que pode dar errado é um trabalho árduo para pessoas ansiosas e também pode fazer você se sentir controlado. Você pode ficar frustrado, e tudo bem; todos os relacionamentos passam por isso.

Ter compaixão não significa que você deve concordar com tudo o que está à sua frente; portanto, fale com gentileza (não criticamente), se necessário.

12. Eles são extremamente gratos por você.
Quem fica por aí junto de pessoas ou situações difíceis é um guardião. Pessoas com ansiedade sabem disso. Nada acende uma conexão mais do que realmente conseguir alguém, estar lá e trazer a diversão para o relacionamento. Seja quem se recusa a deixar a ansiedade sugar a vida, sugar de tudo e saiba que você é um guardião. Sim você é. Saiba que eles são gratos por tudo que você faz e o amam, de verdade.

*Texto traduzido e adaptado com exclusividade para o site Fãs da Psicanálise. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.

(Fonte: thoughtcatalog.com)

Compartilhar

RECOMENDAMOS



Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here