“Cuidado com a tristeza, ela é um vício”, disse o romancista francês Gustave Flaubert, falando de tantas pessoas tristes que vivem apegadas a esse sentimento negativo.

De todas as nossas emoções, a tristeza é a mais difícil de nomear e identificar; porque não é uma dor viva que pode ser reconhecida a princípio como raiva ou medo. É um mal que nos deixa enfraquecidos, que nos pesa e cansa, porque reduz nossa capacidade de agir.

Segundo a psicoterapeuta Catherine Aimelet-Périssol, a tristeza intervém quando o medo e a raiva não “funcionam”. Nós não poderíamos escapar dessa situação nem poderíamos ficar com raiva, então ficamos tristes e choramos como um sinal de desamparo.

Em vez de gritar e explodir, nos entristecemos. O rosto endurece, a boca se fecha e não queremos mais falar sobre isso.

Temos a ideia errada de que os adultos não choram e sabemos que o choro não é socialmente aceito. Devemos nos sentir felizes, ter um pensamento positivo e ser sociável, mas a tristeza não se presta a esse jogo. Isso nos força a calar a boca, a lamber nossas feridas e a nos curar, às vezes até literalmente, com a ajuda de antidepressivos. Na nossa sociedade, em que “estar bem” é o sentimento mais fundamental e muitas vezes para nos distrair da realidade a tristeza não tem lugar.

Como deixar de ser uma mulher triste?

Primeiro, é importante identificar o que causa tristeza. Este é um fator indispensável para atacar o problema, porque muitas vezes acreditamos que sabemos o que é, mas na realidade os sentimentos podem ser confusos.

Relacionamento afetivo?

Não é novidade que o amor faz os amantes sofrerem, mas o amado não pode fazer nada para nos fazer felizes.

É importante entender que a felicidade nasce de si e que os outros são os reflexos desse amor. Talvez o sentimento de não se sentir amado ou valorizado pela pessoa que é suposto fazê-lo, mergulha você em um mar de dúvidas e incertezas que geram tristeza e depressão.

Ninguém pode resolver isso mais do que você. O diálogo é o caminho para tirar dúvidas e esclarecer as coisas.

Converse com seu parceiro sobre seus sentimentos. Não perca outro dia.

Seus filhos desapontaram você?

Muitas vezes as mães têm expectativas demais em relação aos filhos e até cometem o erro de despejar suas próprias expectativas pessoais não cumpridas.

De tudo de ruim que nos acontece, devemos obter um ensinamento e avaliar no que estamos errando. Sua tristeza pode ser porque você acha que não fez um bom trabalho como mãe, mas apesar do fato de que todos cometem erros, nós mães sempre acreditamos que escolhemos a melhor decisão em relação aos filhos.

Uma conversa aberta, sincera e franca com seus filhos pode ser o primeiro passo para aliviar todos os corações.

Você se sente frustrado no trabalho?

Se a vida te colocou em um lugar em que você não gosta do trabalho, talvez seja hora de procurar o que faz você se sentir bem.

Freud disse que o trabalho era uma das coisas mais importantes na vida de uma pessoa e não devemos subestimar o efeito que ele tem nas emoções.

Talvez, o que você faz não o satisfaça completamente, mas este não é o momento de deixá-lo, mas abrir caminho para algo novo vir.

Todas as mudanças envolvem riscos e são um pouco assustadoras, mas esse sentimento de procurar por outra coisa foi o que fez o mundo mudar e os homens descobriram coisas novas.

Quanto ao seu trabalho, ainda pode haver algo novo para descobrir.

Hoje pode ser a hora de dar um passo em direção à felicidade e, ao mesmo tempo, é um passo para deixar a tristeza para trás.

Hoje “você está triste”, mas esse estado deve mudar e só você pode fazê-lo. Levamos muito tempo para entender o que valemos e não podemos mais perder nossos preciosos dias, meses e anos pensando que somos inúteis. Chega disso!

Você já parou para pensar quantas mulheres incríveis existem no mundo? De cientistas e escritoras, até atletas e atrizes que deixaram sua marca pela força do trabalho e esforço.

E ainda aqui estamos nós. Lutando dia a dia por nossas famílias e por nós mesmas.

Reparando lágrimas.

Convido-as a lamentar suas últimas lágrimas reparadoras, aquelas que aliviam sua alma e que, enquanto você fizer isso, suas tristezas e sentimentos negativos vão embora.

Qualquer dia, em qualquer momento, a qualquer minuto é bom deixar isso para trás e começar algo novo.

Você quer algumas pistas? Isso ajudará você a começar:

· Chore suas lágrimas. A tristeza é frequentemente a raiva retida. Retire-a com a ajuda de lágrimas.

· Pense hoje. Chorar ou ficar triste por coisas que aconteceram, é inútil, assim como ficar deprimido por algo que ainda não chegou e que nunca saberemos se virá. Viva e pense sobre hoje!

· Tudo passa. Você deve eliminar esse sentimento de permanência. Sua tristeza tem uma data de validade e, em algum momento, deve terminar. Tudo passa.

· Ouça seu corpo, ele transmite o que precisa. Não se esqueça de prestar atenção e dar os cuidados de que necessita. Mime-se!

· Fique ativo. Encontre um hobby que você gosta e dedique seu tempo livre. Concentre-se no que você gosta e desenvolva essa atividade colocando todas as suas energias.

· Respire ar fresco. O ar e o sol nos renovam. Às vezes, apenas com uma caminhada, você pode limpar sua mente e sair do mau momento.

· Leia. Ler é cultura, mas também desenvolve imaginação. Leia um gênero que você gosta, a sua revista favorita ou frases inspiradoras que ajudam você a colocar sua mente em outra coisa.

· Bata-papo com alguém. Encontre com quem falar. Pode falar sobre o que o aflige ou qualquer outra coisa. Se comunicar com os outros é bom!

· Busque a terapia. Apenas um psicoterapeuta experiente e responsável terá as ferramentas certas para que você realmente se conheça melhor, encontre os motivos da tristeza e se refaça com sabedoria

· Ajude alguém. Você sabia que os níveis de serotonina aumentam quando fazemos algo de bom por alguém? Ajuda e ainda te faz feliz! Nisto você não terá problemas, porque sempre encontramos alguém que precisa de ajuda.

Finalmente, deixamos esta frase que diz tudo: “Tudo vai bem para pessoas de caráter doce e alegre.”

Não é uma boa razão para nos motivar a sair da tristeza? O bom atrai o bem.

Fique motivado e não se esqueça de compartilhar esse texto com aqueles que podem precisar!

(Fonte Original: gutenberg.rocks)
*Texto traduzido e adaptado por Naná cml da equipe Fãs da Psicanálise.

*Texto traduzido e adaptado com exclusividade para o site Fãs da Psicanálise. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.

(Imagem: kevin laminto)

Compartilhar

RECOMENDAMOS



Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here