Em 20 estados dos EUA há políticas que exigem que uma mulher que deseje executar um aborto receba aconselhamentos sobre possíveis consequências em sua saúde mental.

O estudo foi baseado em uma análise de 22 projetos separados que avaliaram as experiências de 877 mil mulheres, das quais 163,831 tinham abortado. Os resultados apontaram que mulheres que se submeteram ao aborto tiveram um risco 81% maior de problemas de saúde mental e quase 10% das doenças mentais mostraram ligação direta com o ato.

A pesquisa concluiu que o aborto estava relacionado a 34% de aumento de chances de transtornos de ansiedade, 37% de depressão, 110% de aumento de risco do abuso do álcool, 220% do uso de maconha e 155% mais chances de suicídio.

Assim, as mulheres que fazem abortos têm quase o dobro de risco de desenvolver problemas mentais em comparação com as demais pessoas, segundo esse estudo. A pesquisa descobriu que o aborto afeta a saúde mental e pode causar ansiedade, depressão, alcoolismo, abuso de drogas e suicídio. As informações são do Daily Mail .

Se a pesquisa fosse aplicada no Brasil o resultado seria o mesmo? Deixe a sua opinião nos comentários!

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.

2 COMENTÁRIOS

  1. Acredito que sim, a diferença que aqui no Brasil tudo é considerado como “tabu”. Ninguém fala sobre, as pessoas não fazem esse tipo de publicação, não compartilham. E quando acontece com elas, pelo menos nos hospitais públicos nada é conversado de forma que amenize a dor da paciente. Eles apenas fazem os procedimentos e te deixam em frente a outras mulheres que estão em trabalho de parto, parece que nada daquilo é real. Como se quisessem te dizer, olha você deveria estar ganhando também, mas ao contrário do que nós mulheres pensamos naquele momento, tão difícil. A depressão, a Tristeza, o Vazio que vem depois de tudo isso! Médico nenhum te explica ou te conta que você terá que superar e que talvez seja melhor você procurar um especialista, porque os próximos dias serão difíceis. Ninguém te conta, que nem todos ao seu redor não vão entender e vão querer que você passe por isso logo. E são tantos sentimentos dentro de nós, invadindo e cheios de dor…que você pensa que o melhor é desistir.
    O Brasil, tinha que rever todas nós, todos esses números que somos.

  2. ?Com certeza as sequelas psicológicas seriam muito maior .Lembrando que nossa cultura latina já nos faz naturalmente mais emotivos
    que os demais países não latino. Imagine quanto a nossa realidade economica, permitiria a todas as mulheres aconselhamento psicológico?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here