Disney's MULAN Mulan (Yifei Liu) Photo: Jasin Boland © 2019 Disney Enterprises, Inc. All Rights Reserved.

Desde que a pandemia de coronavírus se espalhou por todo o mundo que são poucas as pessoas que vão ao cinema. Há milhares de salas fechadas e as que estão abertas têm muito pouco público, devido às quarentenas impostas pelos governos de grande parte dos países. A Covid-19 obrigou também ao cancelamento ou adiamento da estreia de mais de 300 filmes.

Uma das empresas que mais está a sofrer com esta quebra é a Disney, que já foi obrigada a pedir um empréstimo superior a cinco mil milhões de euros à banca para se manter aberta. E não é difícil perceber porquê. O mais recente filme da Pixar (que faz parte do universo Disney), “‘Bora Lá” é o menos visto de sempre na história do estúdio. Isto porque o seu lançamento coincidiu com o aparecimento do surto de coronavírus: sete dias depois da estreia, o número de espetadores caiu 73 por cento.

Estes números estão a levar a Disney a considerar medidas extremas: estrear os filmes diretamente em casa das pessoas, sem passar pelos cinemas. A solução pode passar pelo serviço de streaming Disney+, que já está em funcionamento nos EUA, em alguns países da Europa e que chega a Portugal no verão.

Assim, filmes como “Mulan” e “Trolls: Tour Mundial” são alguns dos títulos que podem estrear diretamente na plataforma de streaming da Disney, sem estreia nos cinemas.

Você sabia que o Fãs da Psicanálise também está no Instagram e no Facebook? Que tal fazer uma visitinha para nós por lá?

Compartilhar

RECOMENDAMOS




Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here