É sabido que, ano após ano, a educação está cada vez mais ligada com a tecnologia, sobretudo em um contexto de restrições sociais em decorrência da pandemia e, por consequência, a adoção do modelo de ensino remoto.

Hoje, os alunos e professores devem ter pleno domínio sobre diversas ferramentas digitais e tecnologias, como computadores e smartphones, visando desenvolver e adotar novos métodos para o ensino e para o aprendizado.

Contudo, isto não se aplica apenas ao ensino primário, fundamental e médio. No ensino superior, dentro das universidades, os alunos e professores devem lidar ainda mais com a tecnologia, devido ao desenvolvimento de projetos e o uso de softwares específicos.

Por exemplo, a formatação de trabalhos acadêmicos hoje em dia é essencial, pois a citação de monografia na ABNT mostra o caminho pelo qual você percorreu. Ou seja, todas as informações usadas em um projeto acadêmico devem ser retiradas de fontes confiáveis.

Portanto, a consulta de alunos em plataformas como o Google Scholar é essencial para a realização de um projeto científico e acadêmico.

E este é apenas um dos exemplos de como a tecnologia, o acesso à Internet e o uso de ferramentas digitais é indispensável nos dias de hoje.

Com este quadro atual em mente e a transição do ensino remoto de volta para o ensino presencial, de acordo com a chegada do fim da pandemia, é essencial vermos quais ferramentas digitais ainda podem ser utilizadas em salas de aula.

O YouTube dentro da sala de aula

Uma tecnologia que pode ser empregada dentro de sala de aula, independente do nível educacional, é o YouTube. Isso porque na plataforma de vídeos mais acessada de todo o mundo existem diversos canais educativos, sobre curiosidades, conteúdo pré-vestibular e até conteúdo voltado para o ensino superior e a pós-graduação.

Conforme reportagem publicada na plataforma Nova Escola, existem algumas utilidades extremamente práticas e importantes para o ensino possíveis com o YouTube:

  1. Conteúdos didáticos para a realização de debates em sala de aula
  2. Criação de playlists de vídeos de acordo com a área
  3. Criar materiais para plantão de dúvidas em formato de vídeo
  4. Permite que alunos explorem seus temas de interesse
  5. Facilidade no aprendizado audiovisual

Ainda, existem inúmeros canais no YouTube destinados à educação dos mais diversos níveis que podem, sem dúvidas, ser explorados em aula, como por exemplo:

  • Manual do Mundo
  • Ciência Todo Dia
  • Nerdologia
  • Space Today
  • Minuto da Terra
  • Quintal da Cultura
  • Varal de Histórias
  • Universidade das Crianças

Portanto, não perca tempo e, independente de estar em casa ou em sala de aula, não deixe de conferir estes canais para aprender um pouco mais, ou para ensinar de uma maneira diferente.

Kahoot e a criação de quizzes interativos para os alunos

Já o Kahoot, é uma plataforma de ensino e aprendizado baseada na criação de jogos interativos chamados Kahoots.

Cada um dos ‘’Kahoots’’ consiste em testes de múltipla escolha, de maneira que o professor pode criar um quiz e compartilhar o link com seus alunos.

Assim, o professor consegue revisar conhecimentos passados em aula através de uma maneira lúdica e competitiva, visto que a plataforma funciona como uma competição, onde quem acertar mais perguntas recebe mais pontos.

Ainda, o professor pode recompensar os alunos com doces e realizar outras brincadeiras oriundas do Kahoot para incentivar o desempenho dos alunos nos jogos.

Khan Academy e o acesso à educação de qualidade

Conforme a frase presente no slogan da Khan Academy mostra: ‘’A nossa missão é proporcionar educação gratuita e de alta qualidade para todos, em qualquer lugar.’’

A Khan Academy é uma Organização sem Fins Lucrativos idealizada por Sal Khan, um educador americano, filho de imigrantes, que hoje é um dos maiores nomes na geração de educação gratuita ao redor do mundo.

Dentro da plataforma é possível encontrar uma coletânea de vídeos gratuitos das seguintes áreas de interesse:

  • Matemática
  • Medicina e Saúde
  • Economia
  • Finanças
  • Química
  • Biologia
  • Informática e Computação

Atualmente, a Khan Academy possui grandes proporções no setor da educação, tendo seus vídeos traduzidos para diversos idiomas.

No Brasil, por exemplo, a plataforma é utilizada como ferramenta de ensino e aprendizagem em escolas, visando o ensino especificamente de matemática, uma matéria que possui um clássico déficit educacional no país.

Apenas no Brasil, a plataforma possui cerca de 4 milhões de usuários, dos quais muitos são alunos, professores e até pais.

RECOMENDAMOS




A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui