E como não são apenas os filmes românticos que nos fazem derramar lágrimas (ou soluçar compulsivamente), esta é uma lista bem eclética de TOP 10 c/ 12 filmes.

Sim, sim, me empolguei novamente e coloquei dois filmes bônus, que já não me fazem chorar atualmente por terem se tornados tão “passados” ( para não dizer, super cliche”zão”). Mas enfim, preparem a caixa de lencinhos e o balde de pipoca!!!

Não vou tentar convencer vocês que esta lista é imparcial, pois não é! Nem acredito que qualquer lista do gênero seja, escolher os melhores de qualquer coisa é sempre muito subjetivo.

Esses são os filmes que me fazem chorar como criancinha! Quais são os seus?

1-Diário de uma Paixão (The Notebook -2004)

Direção: Nick Cassavetes
Atores: Ryan Gosling, Rachel McAdams Gena Rowlands

Baseado no romance de Nicholas Sparks, o que automaticamente significa “preparem os lencinhos”. Pra mim esta é sua obra prima, muito bem adaptada para o cinema, que conta a história de Noah e Allie, no passado, sendo contada por Duke no presente para uma senhora que sofre de Alzheimer. Não sei se todos já viram ( quem não viu deve ver). Com uma as mais belas cenas de beijo do cinema atual, e dois atores jovens perfeitamente escalados, corri pra comprar a versão literária assim que assisti o filme, infelizmente a edição brasileira está esgotada, e acabei comprando em inglês mesmo, com a capa do filme.

2- P.S.Eu te amo (P.S. I Love You -2008)

Direção: Richard LaGravenese
Atores: Hilary Swank, Gerard Butler, Lisa Kudrow

Um filme que te leva das lágrimas as gargalhadas em instantes. Só de pensar em algumas frases do filme/livro já dá vontade de chorar . Acredito que Gerard Butler é um dos novos astros mais charmosos de Hollywood, principalmente interpretando este engraçado e fanfarão Irlandês ( que acho um charme – se não fosse casada queria um irlandês pra mim!).

3-Um amor para recordar ( A Walk to Remember – 2003)

Direção: Adam Shankman
Atores: Shane West, Mandy Moore, Daryl Hannah

Outro filme baseado na obra de Nicholas Sparks, e que me fez obviamente chorar convulsionantemente. Conta a história de Landon, um bonitão da escola que aprontou e foi obrigado a participar de uma peça de teatro. Lá, ele conhece Jammie, que tem câncer em estágio terminal. Os dois se apaixonam e a gente se mata de chorar!

4-Cidade dos Anjos (City of Angels – 1998)

Direção: Brad Silberling
Atores: Nicolas Cage, Meg Ryan, Andre Braugher

Seth é um anjo que se apaixona pela cirurgiã Maggie. Seth abdica sua eternidade para viver uma linda história de amor.
Adoro o Nicolas desde que me conheço por gente ( acho que o primeiro filme que vi dele foi Peggie Sue-seu passado à espera), já perdi as contas de quantas vezes vi 60 Segundos ( culpa do meu marido viciado em carros). Já a Meg pra mim é a rainha das comédias românticas ( quem vai substituí-la? Morro de medo só de pensar).

5-Encontro Marcado ( Meet Joe Black – 1998)

Direção:Martin Brest
Atores: Brad Pitt, Anthony Hopkins, Claire Forlani

Brad Pit é a morte, que tem como objetivo levar consigo o magnata interpretado por Hopkins. Convencido a ficar um tempo na terra, ele passa conviver com a família e entender os hábitos humanos. Então a morte se apaixona!
Pra mim é uma história perfeita, com ironia, humor negro e romance. Só seria o filme perfeito se tivesse uma atriz menos blase que a Clarie. A cena do Brad sendo atropelado é inesquecível, e o final é lindo.

6-Amor Além da vida ( What Dreams May Come – 1998)

Direção: Vincent Ward
Atores: Cuba Gooding Jr, Robin Williams, Annabella Sciorra

Quando os filhos do casal morrem em um acidente de carro, Chris e Annie tem dificuldade de superar o luto. Quatro anos depois chega a hora de Chris partir, e ele vai para sua versão do Paraíso. Annie não aguenta a solidão e se suicida, indo para uma espécie de purgatório. Chris parte numa jornada na tentativa de encontrar a esposa. Uma história de amor que ultrapassa as barreiras da morte, do céu, do purgatório. E só de pensar nela matando o cachorrinho já me da vontade de chorar! E tenho que admitir, por causa deste filme eu tenho um pavorzinho de pegar congestionamento em túneis longos, sério!

7-Lado a Lado ( Stepmom -1998)

Direção: Chris Columbus
Atores: Julia Roberts, Susan Sarandon, Ed Harris

Drama familiar, em que Susan Saradon é a mãe divorciada de dois filhos pequenos, cujo câncer retornou e ela tem que preparar a “madrasta” para substituí-la a contra gosto. Acho simplesmente perfeito, me emocionada toda vez que vejo.
Principalmente as cenas que as duas mães cantam cada uma a seu jeito Ain’t no moutain High enough. O final então, nem comento!

8-Doce Novembro ( Sweet November – 2001)

Direção: Pat O’Connor
Atores: Keanu Reeves, Charlize Theron, Jason Isaacs

Nelson é um workaholic que encontra o amor nos braços da estranha Sara, que todo mês embarca em uma nova paixão. Sara faz de Nelson seu novembro, mas o mês termina e ela não sabe o que fazer. (sinopse simplista eu sei, mas acho que o filme já está tão batido que todos os seres do planeta terra já devem ter visto). Mas enfim…
Não me crucifiquem, não sou muito fã do Keanu ( que pra mim só funcionou em Matriz e olhe lá), mas não tem como negar que esta história é tocante. Apesar de já ter enjoado (ou seja, não é dos filmes que eu tenha vontade de assistir de vez em quando), lembro que me emocionei pra caramba quando vi a primeira vez. Melhor personagem: o visinho gay de Charlise, interpretado por Jason Isaacs (Sr. Malfoy)

9-A espera de um milagre (The Green Mile -1999)

Direção:Frank Darabont
Atores: Tom Hanks, Michael Clarke Duncan, David Morse, Michael Jeter

Homem negro, simples e grandalhão é acusado de pena de morte pelo assassinato de duas meninas durante a recessão. Ele vai para a “milha verde” ( o corredor da morte), e fica ao encargo dos cuidados de Tom Hanks. Mas aquela criatura simples e simpática não cometeu o crime pelo qual foi julgado, e possui um dom extraordinário de cura.
Sou simplesmente fã dos dramas do Stephen King. E a história de John Coffe ( Como a Bebida, mas não se escreve igual) é tão linda no cinema quanto na versão literária. Me acabei de chorar nas duas, e super indico para quem ainda não leu o livro. Considero uma das melhores adaptações cinematográficas de obras literárias, porque conseguiu manter o mesmo tom, os mesmos sentimentos e as mesmas falas que me comoveram no livro. Sem contar o adorável papel do Tom Hanks, sem duvida meu ator preferido, sempre carismático e verdadeiro. É o que eu digo, não fazem mais atores como ele!

10-À procura da felicidade ( The Pursuit of Happyness -2006)

Direção:Gabriele Muccino
Atores: Will Smith, Jaden Smith, Thandie Newton

Chris é um chefe de família, que teve que lidar com o abandono da mulher, a perda do emprego, da casa. E que mesmo assim encontra forças para tentar mudar a vida horrível da qual ele e seu filho estão fazendo parte, entre eles dormir em abrigos para “sem teto”, metrôs e banheiros públicos.
Acho que se alguém não se comoveu com esta história de vida, esta pessoa realmente tem coração de pedra. Sai do cinema com os olhos vermelhos, principalmente depois daquela cena dramática no banheiro, em que Will conta a história dos dinossauros tentado distrair o filho. Histórias assim nos fazem repensar que nossos problemas são mínimos, e que devemos ter esperança e perseverança apesar de tudo!

11-Titanic ( Titanic – 1997)

Direção: James Cameron
Atores: Leonardo DiCaprio, Kate Winslet, Billy Zane

Precisa de sinopse? I don’t think so!
Foi tantas vezes visto, tantas vezes comentado. Tantas vezes tudo, que eu não consigo mais nem pensar em certas cenas do filme. Mas marcou uma geração, é fato!

12-Ghost -Do outro lado da vida ( Ghost -1990)

Direção: Jerry Zucker
Atores:Patrick Swayze, Demi Moore, Whoopi Goldberg

Sam e Molly são um casal feliz, até que Sam é morto, mas não segue para o outro plano. Sam tenta achar um jeito e dizer a Molly que ela corre perigo, e para isso encontra Mae Brown, uma charlatã que realmente tem o dom de falar com os mortos. Uma história de amor com pitadas sobrenaturais. A cena do vaso já ficou cafona de tão “icônica”.
A única coisa que não me entra é aquele cabelo joãozinho da Demi, culpa dela minha mãe usou esse cabelo medonho por anos! Não te perdoo Demi!

(Autora: Julianna Steffens )
(Fonte: lostinchicklit.com.br)

Compartilhar
Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.



4 COMENTÁRIOS

  1. Poxa… Já vi todos… Aí fui ver se tinha mais indicações nos comentários e pá…. Já vi também… Cadê os filmes bons minha gente 😂😂😂😂

  2. São todos lindos, já vi mais da metade e chorei litros; mas recentemente chorei vendo o Bom Dinossauro (aquele infantil kkk) séria gente e de matar, filme que fala de família me pega, ainda mais de pais, deve ser pelo fato de ter sido criada sem os meus.

DEIXE UMA RESPOSTA