Não importa o dia da semana, você sempre está cansado? Não se preocupe, isso é totalmente normal. A ciência explica os motivos do cansaço – e quase sempre dá uma solução para o problema.

A médica Holly Phillips, autora do livro The Exhaustion Breakthrough (ainda sem tradução no Brasil) listou diversas razões para explicar o cansaço. Fizemos um compilado com os principais motivos:

1. Você dorme até (muito) mais tarde nos fins de semana
Você é daqueles que dorme até meio-dia nos fins de semana, e durante a semana depende do despertador pra acordar cedo? Péssima notícia: isso está destruindo seu relógio biológico. Acordar no máximo até duas horas depois do horário habitual de segunda a sexta pode te ajudar a resolver o cansaço.

2. Você procastina seu sono
Cientistas holandeses criaram um termo para assistir regularmente séries e filmes em vez de ir dormir. É a “procrastinação do sono”, ou seja, postergar o sono através de muita procastinação. Quem procastina mais, dorme menos – e o resultado é óbvio

3. Você checa o celular antes de dormir – e às vezes nem dorme
A iluminação do seu smartphone, ou até mesmo do seu computador, está intimamente ligada com a produção de melatonina, o hormônio do sono. Quanto menos melatonina, menos sono. Coloque o celular fora do seu alcance durante a noite – isso evita a tentação de ver se alguém está online no WhatsApp. Ou, se você for corajoso o suficiente, deixe o dispositivo em modo avião. Vale seu sono?

4. Você não está dormindo o suficiente
Foi dormir às 3h e teve que acordar as 7h, né? Você não está dormindo tempo suficiente. Segundo a National Sleep Foundation, crianças de 6 a 12 anos devem dormir de 10 a 11 horas por dia; de 13 a 19 são pelo menos 9 horas de sono. Adultos precisam dormir de 7 a 9 horas por dia. Progame-se e sinta-se bem melhor dormindo tempo suficiente.

5. Você não está dormindo bem o suficiente
“Mas, eu durmo até mais de 9 horas por dia. Por que ainda me sinto cansadx?” Não se trata apenas de quantidade, mas também de qualidade. Você precisa dormir bem e relaxado. Não adianta nada dormir até o sono acabar em um lugar desconfortável.

6. Você está com algum vírus ou bactéria
Se você estava doente algumas semanas atrás, provavelmente ainda têm resíduos de algum vírus ou bactéria no seu corpo. Segundo Phillips, o corpo pode levar de três a quatro meses para se livrar totalmente desses ~resíduos. Antioxidantes presentes em alguns alimentos podem facilitar esse processo.

7. Você tem refluxo gástrico
Seu sono pode não ser tão bom justamente por conta de um refluxo gástrico. “Um sinal é se você sempre acorda e sente que tem que limpar a garganta. Este é um sinal oculto do refluxo gástrico e pode perturbar o seu sono”, diz Phillips. Procure um médico.

8. Você está se alimentado errado
Aqui vale a máxima você é o que você come – sem ofensas. “Se você preencher o seu corpo com alimentos processados, onde os nutrientes foram removidos, seus níveis de energia vão refletir isso”, diz Phillips. Pense nos alimentos como combustível, beba e coma só o suficiente.

9. Você é alérgico
O corpo precisa combater as alergias. Portanto, se você for alérgico, muito provavelmente está cansado porque seu corpo está se desgastando amenizando os efeitos da alergia.

10. Você não se exercita
Treinar aumenta seus níveis de endorfinas e ajuda a dormir. Além disso, as pesquisas de Phillips garantem que quem se exercita de manhã tem um sono muito melhor durante a noite. Sabemos que é difícil, mas por uma vida com menos cansaço vale o esforço!

11. Você se exercita demais
Ok, você levou o item 10 muito a sério e agora não para de treinar. E sim, isso pode te deixar mais cansado. O corpo também precisa de descanso. Não se sobrecarregue, se não vai ficar parecendo um zumbi andando por aí.

12. Você tem a apneia do sono
Já ouviu alguém reclamar dos seus altos roncos durante aquela soneca? Você pode sofrer com esse distúrbio. A apneia do sono é muito comum e pode atrapalhar seu descanso. Consulte o seu médico se você sente desconforto nasal ou não consegue respirar direito enquanto dorme.

13. Você tem algum problema hormonal
Segundo Phillips, estar cansado o tempo todo pode ser um sintoma de um distúrbio de tireoide ou síndrome do ovário policístico. Se você está sempre esgotado e tem outros sintomas que podem estar relacionados a seus hormônios – como alterações no peso, humor, pele ou cabelo -, consulte seu médico.

14. Você está perdendo nutrientes realmente importantes
Se o seu corpo está com dificuldades para absorver nutrientes como Ferro, Vitamina D, Cálcio ou Vitamina B12, isso pode alterar seus níveis de cansaço. Consulte seu médico ou nutricionista para começar a tomar suplementos.

15. Você está desidratadx
Você pode apenas estar com sede. É a mesma sensação da ressaca. Sim, essa é a desidratação – não é uma piada. Bebidas alcoólicas são diuréticas, o que facilita a perda de líquidos do corpo. Talvez um copo d’agua seja melhor que um cafézinho.

16. Você tem a síndrome da fadiga crônica
É uma doença grave e debilitante comum em princesas de contos de fadas. Mas não se engane, brincadeiras a parte, é uma doença séria e real que deve ser tratada. Essa síndrome pode levar o corpo à fadiga extrema mesmo em repouso. Procure um médico.
Talvez o motivo do seu cansaço não esteja nessa lista, mas não se ache um estranho fora do ninho. A verdade é que existem milhões de razões que explicam a exaustão humana. Mas quase sempre estão relacionadas à saúde, e sempre têm uma cura ou tratamento. Procure se exercitar e comer bem e, se isso não ajudar, consulte um médico ou especialista.

(Fonte: http://revistagalileu.globo.com/Ciencia/Saude/noticia/2015/03/16-razoes-pelas-quais-voce-esta-tao-cansado.html)

Compartilhar
Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.



2 COMENTÁRIOS

  1. Há 10 anos, tenho a maioria destes sintomas, (itens 1, 3, 5, 8, 10, e 13).
    Sempre verifico meu facebook e watspp antes de deitar, quando acordo sinto a necessidade de limpar minha garganta, não me alimento bem, não me exercito, tomo remédio para controle hormonal, e mesmo quando durmo 8 hs por dia, me sinto muito cansada. Também durmo de tarde depois do almoço todos os dias, não consigo ficar sem dormir nesta parte do dia, e sempre preciso do despertador nos finais de semana.
    Estou fazendo terapia e tomando anti-depressivo e ansiolítico, comecei no início de 2015, mas ainda não tive uma resposta satisfatória, o cansaço permanece e atrapalha a minha vida em vários aspectos.
    O que devo fazer?

    • Olá, é importante que não interrompa o tratamento e vá ao psiquiatra regularmente para saber se o medicamento está sendo satisfatório – como você relatou que não está, eu procuraria o mesmo médico (se ele for de sua confiança) ou até mesmo uma segunda opinião. A terapia é algo que demanda tempo e comprometimento. Lembre-se, nossa evolução é lenta, gradual e contínua. Abraços.

DEIXE UMA RESPOSTA