O fim de um relacionamento é sempre difícil. E cada relacionamento é um relacionamento, nunca um é igual ao outro.

Tem relacionamentos que você sofre por dias, pede pra voltar e aí desencana.

Tem alguns que você mal termina, fica mal por um dia e no outro já está beijando outras bocas. E tem aqueles relacionamentos que por mais que acabem, você continua pensando naquela pessoa por anos.

Mas também há casos de relacionamentos que acabam, mas “a amizade fica”.

Você com certeza tem aquele ou aquela ex que ainda conversa, ainda tenta manter uma certa proximidade por tudo que a pessoa significou pra você, né?

Pois bem, pesquisadores da Universidade de Oakland, da Califórnia, EUA, descobriram que pessoas que tentam manter amizade com seus ex são… Psicopatas.

Leia mais: 10 Lições que aprendi com as minhas relações passadas que fazem de mim um parceiro melhor hoje em dia

Os resultados sugerem que elas podem, também, ter traços de personalidade que incluem narcisismo e maquiavelismo.

Segundo informações do site “Metro”, pessoas que fazem isso, fazem por motivos que podem soar bastante desagradáveis.

Leia mais: Deixe o passado partir

Sim, às vezes é até mesmo só por sexo… Ou pior, por dinheiro.

“As nossas descobertas sugeriram isso. Essas amizades que ocorrem após o fim do relacionamento, geralmente proporcionam tais oportunidades para os ex trocarem algo que seja de seu interesse. Exemplificando de maneira clara: Dinheiro, sexo, informações pessoais após o fim da relação afetiva“.

(Fonte: ovanguardista.ig.com.br)

Compartilhar
Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.



9 COMENTÁRIOS

  1. Esta materia deveria ter outro titulo. O ipo relação que o texto propõe esta longe de ser amizade. Eu mantenho uma relação civilizada com meu ex pois temos laços indissoluveis: filhos. Mas nosso contato se restringe a ligações telefónicas onde tratamos de assuntos pertinentes aos filhos. Mas confesso que gostaria de ter mais proximidades, não por mim, mas para que ele pudesse estar mais proximo dos filhos. Nunca usei esta relação pra tirar proveito. Muito pelo contrário, as fases mais dificeis, que e quando eram pequenos e muito dependentes, passei sozinha, sem cobrar nada. Hoje divido mais as preocupações pq os filhos estão numa fase que precisam de referenciais e, apesar dele não ter sido um bom marido, ele e uma pessoa de bem, com qualidades que podem ser exemplo pros filhos. E como tenho meus problemas de origem emocional, tenho procurado me resguardar um pouco. Nada melhor que o pai pra me dar este suporte. Mas não e facil manter esta dinâmica quando ambos estao em outros relacionamentos, pois a outra parte pode se sentir excluida. Alias, gostaria que fosse abordado esse tema aqui.

  2. Concordo que manter amizade com @ ex pode ser UM dos sinais para identificar um psicopata. Mas não necessariamente todos que têm sejam. Generalizar isso é um erro.

  3. Artigo superficial, generalizador, perigoso!!! a partir de um (apenas1!!!) estudo, que estabelece apenas vinculos doentios, o artigo propoe um título chamativo e tendencioso, uma lástima estar num site como este…a curadoria anda mal por aí! existe vida inteligente após as separaçoes também, rsss – vinculos intelectuais, artístico e sim, porque nao, de amizade? às vezes as pessoas descobrem que sao melhores amigos que amantes e p[or aí vai…conheço alguns, e nao sao poucos!!!

  4. Ser adultos ,sem problemas isso sim é possível ,ser doente , é odiar uma pessoa que você amou isso sim é doença . Não é normal ,mas manter uma amizade ,é prá quem tem tudo no lugar ,como ter um jardim onde você pode voltar ou não ,é uma escolha sua .
    Tenho problemas com perdas ,e não quero ter raiva ,ou outro sentimento negativo,só porque 23 anos de relacionamento não deu

  5. Nem acreditei no que li. Sinceramente, não da para acreditar que profissionais através de pesquisas chegaram a essa conclusão. Acho mais saudável a pessoa ter um bom relacionamento com um ex do que descarta lo. Quando escolhemos alguém para estar ao nosso lado não é apenas por sexo ou dinheiro, é um conjunto de qualidades que nos satisfaz…. um bom papo, uma pessoa agradável… O amor acaba, mas por que a amizade também tem que acabar. Precisamos ser maduros e viver nesse mundo da melhor forma. Meu ex marido é um homem íntegro, uma pessoa de bom coração. Hoje ele é casado, feliz e tem outro filho. Temos duas filhas do nosso relacionamento e eu tenho um namorado que o amo. Também sou feliz. Algumas vezes nos encontramos e respeitosamente conversamos, resolvemos questões sobre os filhos. Eu fico muito feliz em ve lo bem e sei que a recíproca é verdadeira.

  6. só acredito numa coisa…se a relação acabou, chama-se fim. Não tem como ser amigo de alguém que te machucou… pra mim não existe baixar o nível da relação se ela ja foi ao máximo do casamento. `

  7. Desculpem a franqueza, mas isto é a coisa mais idiota que já li! Eu tenho uma relação de amizade com o meu ex-marido, e não é porque somos psicopatas! É porque temos uma filha em comum, que fazemos muito mais feliz se nos dermos bem! Além disso, não guardamos rancor. O que não funcionou ficou lá atrás, está tudo bem resolvido. Assim, pudemos seguir em frente nas nossas vidas, sem brigas nem chatices desnecessárias. Acho que isto é sinal de civismo e de maturidade, não de psicopatia. Certo???
    Agora em relação ao estudo:onde foi realizado? Qual a formação dos investigadores? Que testes foram aplicados? Qual a amostra da população? Qu a caracterização desta amostra? Qual o desvio-padrão? O testes estavam aferidos para esta população? E muito mais questões deveriam ser colocadas. Alguém que se diga jornalista ou autor de um tablóide qualquer devia ter mais responsabilidade com o que escreve. Eu sou psicóloga, e não vou nestas cantigas, mas há quem não saiba é acredite em qualquer coisa porque “foi feito um estudo”. Cuidado antes de publicarem estás tretas! Sejam mais responsáveis e sérios no trabalho que fazem! Tablóides da treta!! Deviam ter vergonha!!

  8. Mas que artigo…ridículo. Raso, superficial e absurdo. Tem tanta coisa errada que nem perderei meu tempo argumentando. Vocês deveriam apenas retirá-lo. Coisa de revista direcionada para público sem nada na cabeça…

  9. Nunca li um artigo tão esquisito. A fonte não esta disponivel pra consulta nos mecanismos de busca da comunidade cientifica. Sinceramente, acho que tem alguem aí com ciumes da relacao de amizade do atual com a ex. 😎

DEIXE UMA RESPOSTA