A maioria de nós gosta de dormir e olha para o sono como uma necessidade básica para sobreviver, como comer, beber e respirar. Muitos tendem a ficar irritadiços ou irritáveis devido à falta de sono.

No entanto, existem algumas pessoas no mundo que também sofrem de transtornos de ansiedade relacionados ao sono, dentre eles há uma condição proeminente chamada Somnifobia.

A palavra somnifobia é derivada do latim somnus que significa sono e Phobos que significa medo. Assim, somnifobia é o medo de dormir ou adormecer. É também chamada de ‘Hipnofobia“, que é o medo de ser hipnotizado, uma condição em que a pessoa é literalmente colocada em um estado de sono rapidamente.

O medo do sono está relacionado com o medo do desconhecido. Muitas vezes, o doente está aterrorizado com o que poderia acontecer se ele dormir. Teme estar “fora de controle”. Muitos têm medo de ter pesadelos ou medo de ser incapazes de “ouvir” seus entes queridos chamá-los.

Outros relatos incluem: medo de dormir a noite, medo de dormir e morrer, medo de dormir e não acordar.

Causas da somnifobia

Somnifobia está relacionada a uma série de outras fobias, como medo de sonambulismo, medo da escuridão (escotofobia) o medo de pesadelos ou medo de morrer no sono (Tanatofobia).

Andar dormindo é uma das típicas causas do medo de dormir. Maioria dos sonâmbulos faz algo benigno nesse estado, mas eles estão com tanto medo que isso ocorra, que ficam com medo de ir dormir.

A morte também é conhecida como o ‘grande sono’. Somnifóbicos se sentem muito vulneráveis enquanto dormem e acreditam que a morte e dormir são condições perturbadoramente semelhantes que os deixam completamente fora de controle. Edith Piaf, famosa cantora francesa disse: “Eu temo o sono, pois é uma forma de morte”.

Algumas pessoas tendem a falar em seu sono e temem revelar coisas importantes ou estar fora de controle sobre o que elas estão dizendo.

A paralisia do sono é outra causa de somnifobia. Este é o estado quando uma pessoa, ao acordar, experimenta a paralisia muscular. Isso pode acontecer várias vezes, o que leva ao medo de dormir. Isso é bem normal, digo por experiência própria, mas o medo de dormir de novo depois de ter paralisia do sono tende a passar em um ou poucos dias. Caso não passe (ou a paralisia do sono seja recorrente), é possível desenvolver a fobia do sono.

Pessoas com transtornos de ansiedade muitas vezes têm dificuldade para adormecer. Quando o fazem, seu sono pode ser atormentado com pesadelos. Muitas vezes elas acordam no meio da noite e não podem sequer se lembrar dos seus sonhos ruins. Acham difícil voltar a dormir. Tais pesadelos e o pânico do sono tornam-se um círculo vicioso: a privação de sono leva a uma maior ansiedade do medo de dormir de novo.

Leia Mais: Como saber se preciso dormir mais?

Filmes de terror, por vezes, podem desencadear somnifobia. Alguns folclores e culturas também falam de bicho papão, monstros debaixo da cama ou no guarda-roupas, bruxas e demônios que atacam durante o sono.

A incidência direta / indireta negativa ou traumática e a morte de um ente querido também podem causar somnifobia.

Os sintomas do medo de dormir (fobia)

Pânico e ataques de ansiedade são os sintomas mais comuns do medo de dormir. Tais pessoas podem apresentar um ou mais dos seguintes sintomas:

  • Fadiga diurna e sonolência
  • Irritabilidade, mau humor
  • Incapacidade de se concentrar – prejudicando a produtividade do trabalho
  • Tendência de adoecer com freqüência, tendo baixos níveis de energia.

Assim, os sintomas de somnifobia podem conduzir a memória reduzida, menor consciência mental e perda de controle.

Tratamento para somnifobia / Como perder medo de dormir

Somnifobia é um medo geralmente relacionado à crianças, e mais presente nessa fase da vida, porém é bastante comum adultos sofrerem com isso e buscarem coisas como: Como perder o medo de dormir sozinha, como perder o medo de dormir no escuro (Olha a Nictofobia aí), até simpatia para perder medo de dormir sozinho.

Meditação e Yoga, bem como outras técnicas corpo-mente como Tai Chi e Qigong são técnicas alternativas usadas para superar somnifobia.

Muitos indivíduos somnifóbicos também têm encontrado alívio por praticar respiração profunda. Os terapeutas também incentivam os fóbicos a escrever seus pensamentos racionais e irracionais acerca de dormir, o que lentamente lhes permitir desfrutar do relaxamento físico que o sono traz.

Terapia da conversa, hipnoterapia, dessensibilização gradual e psicoterapia são outras formas úteis e eficazes de superar o medo de dormir e diversas outras fobias. Alguns médicos também prescrevem medicamentos para reduzir a ansiedade provocada pela somnifobia, mas estes devem ser tomados como último recurso e temporariamente.

(Fonte: psicoativo)

*Texto publicado com a autorização da administração do site.

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise

A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here