Muitas vezes não notamos, mas o modo como levamos a nossa vida no dia a dia faz com que o tempo não atue a nosso favor e mais, parece que há um bloqueio em nossas ações que faz com que nossos sonhos não sejam alcançados e persista um sentimento de tristeza, cansaço e esgotamento mental. Se você se sente assim preste atenção nessas 12 atitudes que você pode estar tomando e que tornam a sua vida mais difícil do que ela deveria ser:

  1. Você tem medo de falhar ou parecer um idiota:

Você não experimenta coisas novas com frequência, corre riscos calculados e se preocupa muito com o que as pessoas podem pensar de suas ações. Muitas vezes, nosso medo do fracasso pode realmente nos fazer viver uma vida com a qual não estamos felizes só porque é mais segura.

  1. Você convive com pessoas negativas e tóxicas:

Você deixa as opiniões prevalecerem sobre as sua, ouve seus maus conselhos e começa a  ver a vida do jeito como eles veem. É melhor evitar pessoas tóxicas em geral, mas se você não puder, então, não deixe espaço para que elas comandem a sua mente e interfiram nas suas ações.

  1. Você dá muita atenção para a opinião alheia:

Você acredita que todo mundo tem algo a esconder de você, por isso tem cuidado com suas atitudes e com o que fala perto das pessoas. É inteligente ser cauteloso, mas se privar de demonstrar a sua identidade só acrescentará muito estresse e ansiedade à sua vida. Repare que as pessoas tem vida própria e que você não é o centro das atenções na vida delas.

  1. Você se culpa:

Você está sempre se culpando por tudo que dá errado – há uma diferença entre assumir a responsabilidade por algo e se culpar por isso. Assumir a responsabilidade faz com que você encontre maneiras de resolver o problema para que você possa seguir em frente. Entretanto, culpar a si mesmo e ser muito duro consigo ao se fixar em suas falhas faz com que você boicote maneiras de superar as dificuldades em sua vida.

  1. Você se compara aos outros:

Você está sempre se comparando e competindo com os outros. A competição é saudável até certo ponto, mas comparar-se com os outros pode prejudicar seu próprio bem-estar. A comparação nos deixa amargos e não agradecidos pelo que temos. Se você quer fazer uma comparação, compare-se com quem você era antes e como se tornou uma pessoa melhor, mas não se compare a outra pessoa.

Leia Mais: Rotina: como o dia a dia rouba nossas vidas
  1. Você se preocupa muito em se encaixar:

Você não expressa suas preocupações ou em como realmente se sente para não ofender. Você está sempre tentando agradar as pessoas. Se você tem que suprimir quem você realmente é para se encaixar, eventualmente você vai se perder para obter uma popularidade temporária. Você deveria se importar mais em fazer a diferença do que em se encaixar.

  1. Você acha se acha “azarado”:

Você sempre acha que é azarado quando se trata disso ou daquilo? Você acha que o mundo te odeia? Você acha que tem a pior sorte do mundo? Todos já passamos por essas fases, mas criar a crença de que a sua vida nunca vai ser do jeito que você quer, é o pior que você pode fazer por si mesmo. Você pode olhar para a vida com uma atitude esperançosa ou você sempre estará sempre nadando em um mar de dúvida e desespero.

  1. Você acredita que não pode deixar ir:

Você acha que não pode esquecer seus erros, você acha que não pode perdoar aqueles que te machucaram e você não pode liberar os ressentimentos que você tem contra as pessoas. Guardar memórias ruins e sentimentos ruins nos sobrecarregam de angústias em vez de nos deixar livres. Ficamos presos à ressentimentos. Deixar para trás o passado ou aquilo que você não pode controlar realmente mudará sua vida.

  1. Você é facilmente dissuadido:

Você permite que as pessoas diminuam os seus sonhos. Você acha que elas sabem mais do que você e realmente não luta pelo que acredita. Às vezes, você só precisa parar de ouvir as pessoas e fazer o que acha que é certo, porque trata-se da sua jornada e as pessoas realmente não precisam entender.

Leia Mais: Como buscar sentido na vida cotidiana?
  1. Você vê o mundo em preto e branco:

Vivemos em um mundo cinza e ver o mundo em preto e branco não vai te levar muito longe. É bom encontrar o equilíbrio entre paixão e razão, sentimentos e lógica. Mesmo que seja difícil, você nunca estará em um estado de equilíbrio mental e sentimental se tratar tudo como “8 ou 80”,  abrace as incertezas da vida e não leve tudo como bom ou mau, certo ou errado, já é hora de flexibilizar os seus pensamentos e atitudes.

  1. Você desperdiça seu tempo em coisas que não importam:

Você desperdiça seu dia fazendo coisas sem importância, passa muito tempo nas redes sociais ou assistindo à Netflix. O tempo é precioso e a vida pode ser mais difícil quando você não tem tempo para trabalhar em si mesmo e fazer coisas que irão beneficiá-lo a longo prazo.

  1. Você está adiando seus objetivos e sonhos:

Você parou de tentar fazê-los acontecer, você se contentou com a vida que foi dada a você, você parou de acreditar que você tem o que é preciso para fazê-los acontecer, independentemente do momento ou das circunstâncias. Nunca pare de perseguir seus objetivos e sonhos, porque o dia em que você consegue alcançá-los é o dia em que toda a sua vida se torna mais fácil e muito melhor.

(Fonte: thoughtcatalog)

*Tradução e adaptação: equipe Fãs da Psicanálise

(Imagem:George Gvasalia)

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here