Você se sente “forçado” a tirar sua máscara, dar um abraço, se aproximar demais? As pessoas fazem você se sentir desconfortável se você seguir as regras de distanciamento durante a Pandemia?

Você ficou com alguns amigos e é o único da reunião que não tira a máscara. Eles perguntam “Você está com medo?”. Você se sente mais à vontade em usá-la, porque decidiu se proteger, ou proteger seus pais, filhos ou irmãos, ou ser um bom cidadão … mas você se sente pressionado e a tira.

Faz muito tempo desde que você viu sua amiga, sua tia, sua colega … quando você as vê, ela abre os braços para você. Como você diz à ela que agora não dá abraços? Você se sente obrigado e, ao contrário de seus princípios, dá o abraço.


Livro

Algumas razões pelas quais você não deve ser influenciado por quem não respeita o distanciamento:

O medo existe para nos proteger . O medo é uma emoção e, como tal, é essencial. É criado pela natureza para nós sobrevivermos. Todos os animais têm medo e, graças ao medo, sobrevivem aos perigos. Nesta pandemia, o medo também é necessário, não um medo paralisante ou que nos impede de viver; apenas um medo suficiente para nos levar a proteger a nós mesmos e aos outros.

Nossa sociedade está em perigo . É verdade que os mais vulneráveis ​​são os idosos; e os jovens, em sua maioria, se sentem seguros. Mas todos os jovens têm parentes mais velhos e, mesmo que não tivessem, pertencem a uma sociedade que agora está em perigo. Cuidar dessa sociedade é uma obrigação. Se você não se cuida, está sendo um cidadão egoísta e ruim. Não importa quantos anos você tem.

É um bom momento para começar a não se preocupar com o que os outros pensam de você. Por que é tão importante que eles pensam que você tem medo? Se você tem ou não, deixe-os pensar o que querem.

Você não precisa dar muitas explicações . Faça o que você decidiu. Você apenas tem que dizer: “Estou seguindo as regras, ou prefiro ser prudente, ou darei esse abraço e muito mais forte quando isso tudo passar …”

Amar e respeitar os outros, nesse momento, é demonstrado à distância.

Na vida, vale a pena correr riscos por coisas importantes: o trabalho que você deseja, o amor que procura, seus interesses, suas aventuras, seus amigos. Não há nada de interessante em arriscar contrair um vírus.

Arriscar ter que estar em uma UTI sem poder respirar ou infectar sua mãe e que ela morra, não faz de você um corajoso.

Quanto mais essa pandemia durar, mais ficaremos empobrecidos . Não se trata apenas de cumprir as regras; nossa sociedade não funcionará normalmente novamente até que todos nos sintamos seguros: isso ajuda a fazer isso acontecer em breve.

(Imagem: Andrea Piacquadio)

Você sabia que o Fãs da Psicanálise também está no Instagram e no Facebook? Que tal fazer uma visitinha para nós por lá?

Compartilhar

RECOMENDAMOS




Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here