Todos nós vamos para lá, todos nós iremos envelhecer. Nessa grande transformação que o corpo e a mente vivem na terceira idade, há um ponto de quebra que pode se tornar problemático.

Trata-se do momento em que muda a rotina profissional, seja porque se conquistou a aposentadoria ou porque as limitações de idade nos impedem de realizar as atividades com as quais estávamos acostumados.

Em alguns casos, esse tipo de situação se torna realmente grave. Nossos avós ou pais começam a sentir que já não são úteis e entram em fortes períodos de depressão. Permanecem quase todo o tempo sozinhos e, na família, começam a ser percebidos como uma presença incompreensível.

A pessoa envelhece como viveu. As pessoas que conseguiram levar uma vida gratificante geralmente podem aceitar as mudanças de idade com maior naturalidade.

Quem tem conflitos não resolvidos, frustrações não superadas e cultivou relações complicadas ao longo dos anos terá mais dificuldade no momento de envelhecer.

Já pensou na sua velhice?

*As nossas postagens são produzidas com o intuito de informar e não substituem a opinião de um profissional de saúde, um diagnóstico médico ou os tratamentos já prescritos.

Quer fazer parte de um grupo só de testes? Clique aqui!

Compartilhar

RECOMENDAMOS



Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here