Pessoas que usam o Facebook com frequência para fazer posts sobre dietas, rotinas de treino e conquistas na academia tendem a ser narcisistas, revelou um estudo conduzido por psicólogos da Brunel University London.

Após uma série de entrevistas com mais de 500 usuários da rede de Mark Zuckerberg, os pesquisadores constataram que o hábito de postar selfies praticando exercícios é motivado por uma grande necessidade de atenção e de validação da comunidade do Facebook.

Esse comportamento foi diagnosticado pelos estudiosos como um transtorno de personalidade.

Os psicólogos também ponderam que, apesar de atrair um grande número de “likes” e comentários de incentivo, essas reações de outros usuários não necessariamente indicam aprovação.

“Esses amigos podem estar educadamente oferecendo seu apoio, mas secretamente reprovando essa exibição egoísta”, afirma a professora Tara Marshall, uma das responsáveis pela pesquisa.

Leia mais: Quantas curtidas vale uma boa autoestima?

Outra constatação do estudo foi a de que pessoas com baixa autoestima atualizam mais vezes os seus status de relacionamento no Facebook e postam mais fotos com seus parceiros.

Segundo os pesquisadores, essa é a forma que pessoas inseguras encontram de fortalecer os laços e dar mais consistência a seus relacionamentos.

(Autor: Nicolas Gunkel)
(Fonte: exame.abril.com.br)

Compartilhar
Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.



2 COMENTÁRIOS

  1. Muito bom. Ja havia estudado sobre essa “excessiva necessidade de exposição” como mecanismo psicologico de tentar convencer-se do próprio valor através da aprovação alheia. Acredito que seja fruto da insegurança, falta de amor próprio ou baixa autoestima (que é quase tudo a mesma coisa, eu creio…rs)
    E quem se doeu como o amigo acima, provavelmente deve ter se sentido atingido no ego fragilizado.

DEIXE UMA RESPOSTA