Ser generoso é uma característica maravilhosa que uma pessoa pode ter, mas às vezes pode ser cansativa ou até dar a sensação de se doar para alguém que não merece.

Quando você realmente se importa com a felicidade dos outros, é fácil perder de vista a sua própria felicidade. Então acontece algo que é conhecido (e que você sente): dar demais. Você pode ter boas intenções, mas se não tomar cuidado, acabará se perdendo sendo generoso com os outros.

Aqui estão sete sinais de que você está dando muito

Aqui estão alguns sinais claros que podem revelar que você está se doando demais e que podem estar se aproveitando disso ou que podemos até ser vítimas de manipulação:

1. Você sente que está sendo manipulado

Se você suspeita que está sendo manipulado, provavelmente está. Alguém que está manipulando você pode dizer coisas para ativar sua culpa, a fim de conseguir o que quer.

2. Sua ajuda é insustentável

Se o seu “dar e dar” chegou ao ponto em que você não tem mais recursos suficientes, existe um problema sério. Se sua própria saúde física ou mental, autoestima ou bem-estar financeiro está sofrendo e estão sendo afetados, você está dando muito e deve parar antes que seja tarde demais.

3. Seus relacionamentos são afetados

Embora a generosidade saudável possa permitir que os relacionamentos floresçam, dar demais é uma das causas da deterioração dos relacionamentos. Quando não há equilíbrio entre dar e receber, um ou ambos podem ter sentimentos de ressentimento, culpa ou arrependimento que podem causar conflitos e danos ao relacionamento.

4. Você está mantendo alguém

Se a sua atitude de doar chegou ao ponto de permitir que alguém “viva nas suas custas”, como se costuma dizer, é hora de dar um passo atrás. Permitir que outra pessoa permaneça fisicamente insalubre, irresponsável ou totalmente dependente de você não está fazendo bem a ninguém em longo prazo. Se você está apoiando alguém e está dando muito, sem dúvida deve parar.

5. Você sente que estão tirando vantagem

Pode demorar um pouco para perceber quando alguém está tirando vantagem de você, mas no mesmo momento em que você percebe, deve detê-lo e se afastar dessa pessoa. Alguém que usa sua bondade e generosidade para seu benefício pessoal não é alguém que deve permanecer em sua vida.

6. Sua oferta única tornou-se uma obrigação de longo prazo

Ser generoso uma vez pode levar a um círculo vicioso para aqueles que querem abusar de sua bondade. Se, de alguma forma, sua oferta útil única se tornou uma obrigação de longo prazo e você não pretendia fazê-lo, lembre-se de que não se comprometeu com nada a longo prazo e que tem todo o direito de parar quando quiser.

7. Você sempre sacrifica algo

Se você está constantemente sacrificando sua própria felicidade para que os outros sejam felizes, você está dando demais. Cuidar de outras pessoas é uma coisa maravilhosa. Mas cuidar de si mesmo é tão importante quanto, é até o principal.

Se você sabe que alguns desses pontos descritos podem ser ajustados a você, é hora de avaliar o que o leva a querer dar mais do que seria a sua parte e o que deseja obter com isso. Muitas pessoas exploradas não sabem dizer “basta” e, talvez, em longo prazo, você acabe se arruinado sem se concentrar no seu próprio bem-estar e na sua própria sobrevivência.

(Fonte Original: gutenberg.rocks)
*Texto traduzido e adaptado por Naná cml da equipe Fãs da Psicanálise.

*Texto traduzido e adaptado com exclusividade para o site Fãs da Psicanálise. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.

Compartilhar

RECOMENDAMOS



Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here