A vida é uma luta diária, pra qualquer lugar que você olhe lá está ele a te espreitar feito felino sobre a presa. Ele quem? Ele, o sofrimento. Cara cruel que chega e te leva todos seus pedaços e acaba por sobrar tão pouco de ti, não é? Sim, eu sei o quanto dói sofrer. Sei também o quanto sangra e tudo mais de péssimo que eu poderia estender nesse texto com variações de dor e sofrimento. Mas não vou fazer isso, não. Sabe por que? Porque estou aqui pra te dizer o quanto abençoada é a dor e o quanto feliz você pode ser, mesmo tendo sofrido.

Muita gente me pergunta se é possível um dia todo o sofrimento passar e todas as dores da alma serem curadas. Eu respondo convictamente que SIM. A dor e todo sofrimento um dia vão passar.

Claro que não depende de mim, nem do mundo à sua volta nem do tipo de pessoa que te cerca. Vai depender única e exclusivamente de você, colega!

Não adianta sofrer e ficar remoendo a mesma coisa, repetindo esses slides de cenas ruins na cabeça toda hora e se afundar na lama sem o mínimo esforço pra sair. Quer se jogar na lama, se arrastar no chão? Faça isso, mas não se demore. Levante logo, troca suas vestes, tome um bom banho e recomeça, porque, não sei se sabe, mas, o mundo não pára pra você sofrer. Ele não pára, ele continua, fluindo, nascendo, morrendo, desenvolvendo, pessoas indo e vindo, trabalhando, ninguém pára para sofrer a sua dor, já percebeu? É uma dor só sua, tão sua que somente você poderá derrotá-la.

O sofrimento é bem vindo sempre, afinal, é ele o responsável por lapidar nossa alma, tornar-nos pessoas melhores e abrir nossa visão de mundo. Passamos a ver as coisas, as pessoas e a nós mesmos de forma muito diferente, graças ao sofrer. Mas viver nele a vida toda é deixar que uma experiência reencarnatória se perca enquanto você vive em seu egoísmo de pensar apenas em você e no mal que a dor lhe traz.

Dê uma voadora, um chega pra lá nessa dor depois que ela já tiver te ensinado e bola pra frente!

Quando choramos a perda de alguém, nos refazemos e lavamos a saudade que ainda mora no coração. Quando sofremos uma separação, uma ofensa, renascemos com a força de mil deuses, e recomeçamos nossa vida, sabe por que? Porque ela continua. Tudo sempre continuará com ou sem você, então, não deixe de fazer parte da vida.

Você ainda pode ser feliz!! Não desista nenhum minuto sequer de conquistar as coisas que deseja, de realizar seus sonhos, de encontrar um amor. Você pode ser feliz tendo sofrido.

(Imagem: Michael Benz)

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Cris Souza Fontês
Escritora, blogueira, amante da natureza, animais, boa música, pessoas e boas conversas. Foi morar no interior para vasculhar o seu próprio interior. Gosta de artes, da beleza que há em tudo e de palavras, assim como da forma que são usadas. Escreve por vocação, por amor e por prazer. Publicou de forma independente dois livros: “Do quê é feito o amor?” contos e crônicas e o mais espiritualizado “O Eterno que Há” descrevendo o quão próximos estão a dor do amor. Atualmente possui um sebo e livraria na cidade onde escolheu viver por não aguentar ficar longe dos livros, assim como é colunista de assuntos comportamentais em prestigiados sites por não controlar sua paixão por escrever e por querer, de alguma forma, estar mais perto das pessoas e de seus dilemas pessoais. Em 2017 lançará seu terceiro livro “Apaixonada aos 40” que promete sacudir a vida das mulheres.


1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here