Você sente necessidade de estar no controle de tudo? Fica angustiado ou irritado quando as coisas saem do seu controle e vão por um caminho inesperado? Não consegue ficar em paz quando algo – seja um objeto ou alguma área da sua vida – está “fora do lugar”?

Nós somos co-criadores das nossas vidas, sim. Temos responsabilidade por nossas escolhas e ações. Mas não temos o controle de quais serão seus resultados. Só quando compreendermos e aceitarmos isso é que seremos realmente livres para agir.

Somos responsáveis pelo que falamos, mas não temos controle sobre o que os outros vão entender. Somos responsáveis por fazer nossas escolhas profissionais, mas não temos controle sobre quais desafios vão aparecer no caminho. Somos responsáveis por oferecer o nosso amor, mas não controlamos quem irá nos amar de volta.

Escolhemos o tempo todo como agir, e aí está o poder mais importante que nós temos: escolher. Sobre quais serão os resultados, não temos controle. E é aí que entra o segundo poder mais importante: a capacidade de lidar com os resultados.

Como desenvolver a capacidade de lidar com os resultados inesperados? Desenvolvendo e praticando a aceitação, a compreensão, a paciência, a resiliência. E o primeiro passo para desenvolver isso é entender que não estamos no controle de tudo.

Sem essa compreensão, nunca aprenderemos a lidar. E toda vez que as coisas não acontecerem exatamente da forma que você esperava – se prepare, porque vai acontecer muitas vezes – você entrará em guerra com a vida.

Leia Mais: Eu não estou no controle da minha vida, e tudo bem

Use o seu poder de escolha para aquilo que você pode escolher: seus pensamentos, suas fontes de informação, seus alimentos, o ritmo da sua respiração, a forma como usa os recursos que tem…

Para aquilo que você não pode controlar, use a consciência e a sabedoria de que tudo está onde deve estar e tem um motivo para ser. Não perca tempo brigando com a realidade, acredite que existe um propósito e entregue-se, permitindo que as surpresas cheguem e entrem na sua vida.

Se há algo incomodando você nesse momento, tente identificar: isso está sob minha responsabilidade ou está fora do meu controle?

Se puder se responsabilizar pela escolha, a palavra a ser buscada é CONSCIÊNCIA. Quanto mais consciência da sua verdade você tiver, melhores serão as suas escolhas.

Se não puder controlar, lide com isso. Nesse caso, a palavra é ACEITAÇÃO. Entregue, confie, aceite e permita. Tudo está exatamente onde deveria estar.

(Autora: Stephanie Gomes)

(Fonte: desassossegada)

*Texto reproduzido com autorização da administração do site.

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here