Já leu a frase “ou soma ou some”?

Podemos categorizar como:
Pessoas que somam. Essas são as que desejamos encontrar.
Pessoas que somem. São as ausentes, conscientes disso ou não.
Pessoas que deveriam sumir. É auto explicativo. São as piores.

Pessoas que somam são facilmente reconhecidas.
É aquela que já entra na sua vida te apresentando coisas boas.
Novos filmes, novas séries, novas músicas.
Você tem cada vez mais interesse em querer mais.
E a melhor parte: é tudo recíproco. E essa é a chave.
Ele soma à você. Você soma à ele. Encaixa.
Te faz ter aquela sensação de “era pra ser mesmo!”

Não tem muito o que dizer de quem soma.
Porque quando é você já sabe. Sem erro.

Ouvi algumas vezes que a pessoa que some costuma ter um charme natural, e isso é foda.
Porque isso faz com que sumam por um tempo e você aceite e supere o sumiço.
Pra de repente ressurgir das cinzas como se nada tivesse acontecido.
E você ceder.

Pessoas que somem são difíceis de notar no começo, mas chega uma hora que você percebe quem são.
Aí se dá conta da besteira que tem feito em perder seu tempo com esse tipo.
Algumas pessoas não somem por mal, mas não dá pra ficar assim pra sempre.
Mas a questão é: você tem tomado alguma atitude pra mudar isso?

Tem também as que ficam no meio termo entre somar e sumir.
Mas ao mesmo tempo não somam e nem somem.
Elas ficam ali nas entrelinhas, não assumem nem largam.
Não avançam nem recuam contigo.
E nisso elas te atrasam a vida.

Somam durante um tempo, e tudo fica bem.
As saídas, os beijos, os sexos. Tudo.
Mas então somem.
Mas depois somam de novo.
E somem.
E somam.
E somem.
E somam uma última vez até sumir por um tempo.

Leia Mais: Por que os homens somem?

“Ele quer muito te encontrar, mas não dá pra te encontrar (porque tô enrolado aqui, você entende, né?).
Ele sente sua falta, mas não vem falar com você (porque eu ia falar, tava pensando em você esses dias).
Ele gosta de você, mas não gosta realmente de você (porque é complicado, não é fácil explicar o que sinto).
Ele quer ter você, mas não quer assumir você (porque ainda não é a hora/acabei de sair de uma relação/quero focar no trabalho/”insira uma desculpa padrão”)
Ele só quer sexo, mas ele realmente só quer sexo (porque… droga, acabaram as desculpas).
Ele nunca toma uma atitude que dê embasamento pras coisas que diz.”
– Falta Atitude

E nessa dança de somar e sumir você só dança no ritmo que o outro toca.
Você não dita quando soma ou quando some, você espera passivo.
Você é refém da boa vontade do outro.

Entenda que quando ele te soma você ganha +1.
E quando ele some, -1.
Nessa sequência de adição e subtração seu resultado final é sempre zero!
Você é sempre o nada na equação.

E pior, você fica no zero enquanto assiste ele podendo ser uma soma de +1 permanente pra outra pessoa.

Então, a não ser que você goste desse joguinho, é realmente “ou soma ou some”, sem meio termo.
Se não você estará vivendo pra sempre relações que sempre terminam no zero.
Sem se dar a chance do seu +1 com quem realmente queira somar em você.

Falando como um cara que sempre sumiu (e não era tão odiado por isso, bom dizer):
Ninguém é obrigado a estar presente o tempo todo, contanto que você seja sincero quanto às suas intenções.
Iludir e cozinhar as pessoas é extremamente imaturo, afasta e machuca as pessoas.
Se não quiser algo sério é só dizer. Se for casual, só dizer.
Se quiser algo sério, diz também.
Assim você não cria falsas expectativas, as pessoas sabem exatamente o que esperar/cobrar de você.
É só ser sincero. É bem simples assim. Funciona.
Sempre funcionou pra mim.

(Autor: Hudson Baroni)

(Fonte: deuruim)

Título original: Pessoas que somam vs Pessoas que somem

*Texto publicado com a autorização da administração do site.

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise

A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here