Pessoas emocionalmente abusivas, por definição, possuem regras duplas em relacionamentos íntimos. Eles justificam e desculpam suas ações, mas mantêm seus parceiros presos a regras que os diminuem e controlam.

Aqui estão 13 regras duplas que são características de um parceiro emocionalmente abusivo e controlador:

1- Flerta com os outros e diz que é inofensivo, mas o acusa de ser infiel.

2- Insiste para que você nunca divulgue a outras pessoas coisas privadas que ele lhe contou, mas trai você revelando a outras pessoas coisas que você disse em sigilo, quando estava vulnerável.

3- Mantém as finanças separadas ou mente sobre gastos, mas exige a divulgação completa de suas finanças.

4- Recusa afeto ou sexo quando está chateado, mas exige que você esteja sempre disposto a dar carinho e sexo, independente de como você se sente.

5- Culpa você pelo humor ou comportamento abusivo dele, mas se você estiver chateado, diz que é problema seu, não dele.

6- Recusa-se a conversar e falar quando chateado, mas obriga-o a revelar o que está pensando, mesmo se você estiver magoado, ansioso ou chateado.

7- Humilha você na frente dos outros, mas fica furioso se você disser algo menos do que completamente positivo sobre ele em público.

8- Recusa-se a dizer para onde vai ou o que está fazendo, mas exige saber o seu horário e paradeiro.

9- Torna-se raivoso ou de mau-humor se você não fizer o que ele quer, mas ignora seus sentimentos e pedidos.

10- Não tolera nenhum questionamento ou discordância, mas critica-o livremente, julgando o que sente e fazendo o papel de “advogado do diabo”.

11- Toma decisões e assume compromissos que afetam você sem lhe dizer, mas exige que você o consulte antes de tomar qualquer decisão.

12- Negligencia suas necessidades e desejos, mas insiste que você preste atenção nas dele.

Leia Mais: 3 comportamentos que nos mantêm em relacionamentos infelizes

13- Fica indignado se você não estiver disponível quando ele quer, mas faz com que você se sinta abandonado frequentemente.

Esses padrões duplos podem confundi-lo e enfraquecê-lo. Um relacionamento emocionalmente abusivo pode fazer com que você sinta um ou mais dos seguintes sentimentos:

– Preso em uma armadilha
– Pisando em ovos
– Pego de surpresa
– Em uma montanha-russa emocional
– Usado
– Confuso a respeito de por que alguém que diz que lhe ama lhe trata tão mal
Ansioso

– Emocionalmente inseguro
– Frustrado ou com raiva
– Isolado
– Sem esperança
– Fatigado
– Sentindo-se como se não fosse bom o suficiente
– Rejeitado

Se você reconhecer alguns desses padrões duplos em seu relacionamento e sentir algumas dessas emoções, estes são sinais de alerta de um relacionamento doentio. Você pode precisar avaliar honestamente se o relacionamento é bom para você. Fale com amigos de confiança ou com um terapeuta.

Se o abuso físico, violência ou ameaças de violência estiverem presentes, proteja-se, você pode buscar ajuda na psicoterapia. Violência ou ameaças de violência nunca são aceitáveis em um relacionamento.

(Link original: psychcentral)
*Tradução e adaptação por Marcela Jahjah, da equipe Fãs da Psicanálise

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here