A intuição é uma ferramenta extremamente poderosa que muitas vezes nos permite tomar decisões excelentes ou nos salva de possíveis perigos. No entanto, nem sempre funciona, nem funciona para todos. Pessoas ansiosas muitas vezes se sentem frustradas se precisam seguir os desígnios da intuição.

Como podem confiar em seus instintos se costumam dizer queestão à beira da morte quando sentem um ataque de pânico? Como podem confiar em suas reações viscerais se elas te convencem de que você tem uma doença incurável ou que o avião que você está prestes a embarcar vai cair?

A ansiedade manifesta-se através de pensamentos antecipatórios negativos e uma sensação de apreensão, como se algo de ruim acontecesse de um momento para outro. Nesses casos, é difícil prestar atenção no instinto.

A ansiedade sufoca o instinto

Um estudo desenvolvido na Universidade Livre de Berlim analisou como a ansiedade afeta a intuição. Esses psicólogos analisaram e compararam as habilidades intuitivas para tomada de decisões.

Mais de cem participantes foram divididos aleatoriamente em três grupos, nos quais diferentes estados de ânimo foram induzidos por meio de frases e imagens: ansiedade, otimismo e neutralidade.

Por exemplo, para promover o sentimento de otimismo, uma das frases dizia: “O carinho das pessoas que amamos nos faz sentir particularmente seguros e confiantes. Há sempre alguém que nos ama” e, em seguida, mostrou uma foto de um jovem casal sorridente com um animal de estimação.

No entanto, para gerar ansiedade, frases como: “A segurança não é garantida, nem na vizinhança nem em casa”, seguida pela imagem de um homem que agarrava o pescoço de uma mulher.

Leia Mais: Os sinais sutis de que alguém está lutando contra a ansiedade – o MELHOR texto sobre o tema!

Os participantes então tiveram que preencher um questionário projetado para avaliar sua tendência de tomar decisões intuitivas e analisar sua eficácia. Descobriu-se que um humor neutro ou positivo não parecia influenciar a intuição, mas a ansiedade reduziu drasticamente a capacidade de ser impulsionada pelo instinto.

Como a ansiedade afeta a intuição?

Parece que a ansiedade nos faz relutantes em assumir riscos porque cria um estado de humor mais pessimista e sustenta o sentimento de insegurança, qualidades que nos torna mais propensos a escolher a alternativa mais segura, de rotina e não um desafio. Em alguns casos, a ansiedade pode até nos paralisar, então não poderemos tomar nenhuma decisão.

Esses psicólogos explicam que, para usar a intuição na tomada de decisões, precisamos ter confiança em nós mesmos. O problema é que a ansiedade tira essa confiança, por isso é mais provável que ignoremos os sutis sinais emocionais ou corporais que geralmente chamamos de “palpites”.

Na verdade, os sinais físicos que normalmente indicam a intuição, como a frequência cardíaca rápida ou borboletas no estômago, para as pessoas ansiosas são tidos como sintomas psicossomáticos desagradáveis.

Portanto, se você quer que sua intuição lhe aponte algum caminho o primeiro passo é aprender a relaxar, procurando ajuda de um psicoterapeuta, por exemplo. Só então você será capaz de ouvir a sua intuição e segui-la.

(Fonte: rinconpsicologia)

Através de: Remmers, C. & Zander, T. (2017) Por que você não vê a floresta quando você está ansioso: a ansiedade prejudica a tomada de decisão intuitiva. Ciência Psicológica Clínica.

*Tradução e adaptação: equipe Fãs da Psicanálise

Imagem: Allef Vinicius

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here