831550762

Se você está com seu parceiro por um ano ou mais, a percepção de que você não se sente mais atraído por ele pode ser muito inquietante. Você pode se sentir culpada ou pensar que há algo de errado com você. Para algumas pessoas, a percepção se arrasta e para outros, é um processo mais consciente e chega à conclusão de que a atração que você tinha pelo seu parceiro não está mais lá.

Você se encontra em uma encruzilhada – você luta com a ideia entre ficar com o seu parceiro ou não. Você não quer ferir os sentimentos do seu parceiro, mas ao mesmo tempo, você não quer ser desonesto sobre algo tão importante.

Antes de decidir ter uma conversa com seu parceiro ou sentir-se inclinado à permanecer um silêncio, reserve algum tempo para considerar o que poderia estar causando a diminuição da atração. Você pode perceber que a falta de atração tem muito pouco a ver com a aparência do seu parceiro e não significa que o seu relacionamento acabou. Por outro lado, você pode descobrir uma verdade difícil: você não está mais apaixonada por seu parceiro.

Aqui estão algumas perguntas úteis para se fazer:

1. É uma fase normal no seu relacionamento?
Relacionamentos de longo prazo passam por diferentes estágios de maturação. Para alguns casais, pode ser muito difícil passar do estágio inicial de “saltar de cabeça no amor” para o estágio mais estável e baseado na realidade.

Às vezes, as pessoas esperam que os desafios do início do relacionamento durem para sempre e sentem-se muito decepcionadas quando percebem nos parceiros algumas coisas não tão legais.

Pergunte a si mesmo se o seu relacionamento está mudando do estágio de maratonas sexuais selvagens para o estágio de duas vezes por semana. Se assim for, não se preocupe poque o seu relacionamento esta apenas seguindo o curso normal da evolução e você pode estar interpretando a transição como a perda de atração pelo seu parceiro.

2. Você está com raiva ou ressentido?
Muitas vezes, as pessoas que estão zangadas e ressentidas com seus parceiros não sabem como expressar seus sentimentos. Elas começam a guardar seus verdadeiros sentimentos até que um dia eles explodem. Durante o processo de reprimir seus sentimentos, você também está criando distância entre você e seu parceiro. Essa distância pode se manifestar na forma de baixa ou nenhuma atração.

Pergunte a si mesmo se você ficou zangado ou ressentido com seu parceiro por causa de algo que aconteceu no passado e se foi capaz de expressar esses sentimentos completamente. Se seus sentimentos não foram abordados, é provável que o ressentimento, e não a perda de atração, seja a real questão. Tente se expressar para o seu parceiro e, se o seu parceiro estiver disposto a dar ouvidos aos seus sentimentos, você poderá sentir o retorno da sua atração.

Leia Mais: 10 lições para se aprender com relacionamentos passados que podem nos ajudar a se tornar um parceiro/a melhor

3. Você se sente atraído por outras pessoas?
Acontece das pessoas que sofrem de uma disfunção sexual, como o baixo desejo sexual causado por fatores físicos ou psicológicos, sentirem muito pouco ou nenhum desejo sexual. Em alguns casos, a falta de desejo é global – o indivíduo não tem fantasias ou sonhos sexuais e não deseja se envolver em sexo com seu parceiro ou com qualquer outra pessoa.

Por outro lado, a falta de desejo pode ser situacional – fantasias sexuais e sonhos estão presentes e há um desejo por sexo, mas não apenas com o seu parceiro. Se você acha que não está atraído por ninguém, incluindo seu parceiro, e que também está experimentando um declínio geral no interesse sexual, talvez uma disfunção sexual ou problema sejam os culpados. O fato pode estar relacionado a estresse, depressão, ansiedade, a chegada de um recém-nascido ou fatores relacionados diretamente ao parceiro.

No entanto, se você se sentir atraído por outras pessoas, geralmente esse é um sinal de questões mais profundas e críticas no relacionamento.

4. Pode-se reparar isso?
Como acontece com qualquer problema de relacionamento, é necessário o diálogo e que as duas partes queiram melhorar. Reconheça o fato de que você e seu parceiro fizeram cada um a sua parte nessa dinâmica que não está mais funcionando. Pergunte a si mesmo se há algo que você e seu parceiro podem fazer para reparar o que está estranho e resgatar a atração física.

A ajuda de um terapeuta sexual ou conselheiro de casais pode ser incrivelmente útil para lhes auxiliar a resolver esses conflitos tão naturais em qualquer relacionamento.

(Autor: Dr. Nagma V. Clark, Ph.D., L.P.C.C.)
(Fonte Original: psychcentral)
*Texto traduzido e adaptado por Carolina Marucci, da equipe Fãs da Psicanálise.

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here