Superar os medos pode ser um desafio, não importa quantos conselhos sobre relacionamentos e sobre encontrar o amor verdadeiro você tenha lido. Na verdade, muitas mulheres solteiras que realmente querem relacionamentos duradouros ou casamento têm secretamente medo de dar esse grande passo e realmente se apaixonarem.

É por isso que uma das coisas mais importantes que você pode fazer antes de se comprometer ou se casar é aprender a enfrentar seus medos mais profundos sobre o que acontece com os casais ao longo dos anos.

Talvez você tenha pensado em uma ou mais dessas coisas no passado:

-“Estou cansada de ficar sozinha e dormir sozinha. Será que vou encontrar um parceiro amoroso algum dia?”
-“Eu realmente quero um relacionamento, mas continuo atraindo pessoas indisponíveis. O que estou fazendo de errado?”
-“Por que todos os meus relacionamentos acabam do mesmo jeito?”
-“Estou com medo de que eu esteja destinada a terminar sozinha.”
– “Eu quero compartilhar minha vida com alguém. Quero acordar com um parceiro e compartilhar um sonho ou conversar com ele sobre o dia seguinte.”
-“Quero voltar para casa com alguém com quem posso compartilhar meu dia. Eu odeio voltar do trabalho para uma casa vazia.”
-“Eu quero alguém para brincar, assistir TV, ir ao cinema ou sair de férias. Estou tão cansada de fazer essas coisas sozinha e meus amigos têm suas próprias vidas.”

Se sim, você não está sozinha. A maioria das pessoas quer compartilhar suas vidas, mas muitas pessoas têm muita dificuldade para encontrar e criar um relacionamento amoroso satisfatório. Frequentemente, algo fica no caminho de atrair a pessoa certa.

Muitos de meus clientes conseguiram encontrar o amor de suas vidas após curar os medos e bloqueios que estavam no caminho, mas que eles não conseguiam identificar por si mesmos.

Aqui estão quatro medos comuns que as mulheres solteiras têm sobre namoro e relacionamentos que você precisa superar se quiser se apaixonar profundamente (e talvez até se casar).

Leia Mais: As 7 principais razões pelas quais nos mantemos em maus relacionamentos

1. Medo de perder-se no relacionamento

Por mais que você queira um relacionamento, se o medo de se perder em um relacionamento é maior do que o desejo de um relacionamento, esse medo vai vencer todas as vezes.

Você acredita que você tem que desistir de você mesma para ser amada pelo outro? Você acredita que você não é boa o suficiente do jeito que é, então você tem que ser excessivamente gentil e submissa para que alguém a ame? É isso que você fez em seus relacionamentos?

Abrir mão de si mesma é uma receita certa para nunca encontrar o seu amado.

2. Medo de rejeição

Você foi ferida em relacionamentos? A maioria de nós foi. Mas evitar a dor da rejeição é mais importante para você do que estar em um relacionamento amoroso e feliz?

Relacionamentos podem ser dolorosos, então até você aprender como administrar o possível desgosto, você pode estar afastando o amor de sua vida. Aprender a lidar amorosamente com a solidão, o coração partido e o desamparo de relacionamentos importantes são vitais para atrair o seu futuro parceiro de vida.

3. Medo de cometer um erro

Você é muito cautelosa porque tem medo de errar – ou de cometer outro erro?

Enquanto todos nós precisamos estar dispostos a cometer erros para avançar, existem maneiras de saber, no início de um relacionamento, se essa é a pessoa certa para você.

4. Medo de autoabandono

Quando você se abandona ao invés de amar a si mesma, você se torna invisível para os outros. Os outros tendem a nos tratar da maneira como nos tratamos.

Se você está ignorando seus sentimentos, julgando a si mesma, recorrendo a vários vícios para entorpecer seus sentimentos e responsabilizando os outros por seus sentimentos, você está, inconscientemente, afastando os outros e tornando-se invisível.

Quando você responsabiliza os outros pelo seu valor e sensação de segurança, é muito fácil se tornar “viciada” no sentimento de alguém que lhe dá o amor que você não tem dado a si mesma. Isso geralmente faz a outra pessoa sentir-se sufocada e ela acaba se afastando.

Como atraímos pessoas com o mesmo nível de crenças, hábitos e comportamentos, tornar-se uma parceira saudável é essencial para atrair um parceiro saudável. Atrair um parceiro amoroso é saber dizer, no início de um relacionamento, se alguém é ou não quem ele parece ser. Na verdade, existem muitas maneiras de saber desde o começo se alguém é ou não um parceiro apropriado para você.

(Link original: psychcentral)
*Tradução e adaptação por Marcela Jahjah, da equipe Fãs da Psicanálise

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here