Os cães são animais muito leais que constroem laços de afeto muito fortes com os humanos, e muito rapidamente.

Uma vez que um cão decide adotar um ser humano, o protege e é justo em todas as circunstâncias.

Mas e se o dono morre, a mesma coisa acontece com qualquer um que perde um ente querido: de repente há um espaço vazio em vida.

Leia mais: A Lição do Cachorro

Alguns param de comer, outros ficam deprimidos. Uma pessoa precisa de muita força de vontade para seguir com sua vida após a morte de um ente querido.

Mas os cães não têm, ao menos em teoria, força de vontade. Vamos falar um pouco sobre os processos que um cão enfrenta com a morte de seus donos.

Os cães têm sentimentos

A questão é o que causa estes sentimentos. Embora não tenha sido comprovado cientificamente, os fatos falam por si só e, embora alguns seres humanos sejam relutantes em reconhecer a capacidade dos animais de sentir, a verdade é que alguns comportamentos podem corresponder a sentimentos de tristeza ou saudade..

Obviamente, os cães não têm um conceito de morte tão definido como as pessoas, mas sabem quando um ente querido não está mais entre nós e têm uma reação de dor em resposta a perda.

Leia mais: Os cachorros sentem emoções comparadas às de uma criança

Além disso, os cães podem detectar o humor das pessoas, e se todos os membros da família estiverem tristes, ele também estará.

Um veterinário especialista explica: “os cães sentem tristeza pela falta de seus companheiros e, embora a morte seja um conceito que lhes escapa, têm reações similares ao sofrimento humano perante a perda de seus amigos, porque nisso, como em tantas outras coisas, os cães e os seres humanos são muito parecidos.”

Os animais percebem a dor?

Além de sentir e ter emoções, a capacidade de perceber a dor física em animais também tem sido frequentemente questionada. A dor é, no dicionário, uma sensação insatisfatória ou desagradável experimentada por um ser vivo.

O sistema de recepção da dor é muito parecido em seres humanos e animais: os receptores sensoriais do corpo recebem um estímulo e refletem-o na medula espinhal, que por sua vez transmite para o cérebro.

Leia mais: Neurocientista dos EUA comprova que cães têm sentimentos como humanos

Pelo sistema é muito semelhante, pode-se dizer que, se as pessoas percebem a dor, os animais também. Como acontece com os seres humanos, nem todos os animais respondem da mesma forma à dor.

As reações são mais evidentes quando o animal é mais social, como é o caso dos cães. Em outros animais, como os gatos, por exemplo, a demonstração da dor é um sinal de fraqueza para predadores e, portanto, esses animais mascaram como um mecanismo de sobrevivência.

Quais são os sintomas de tristeza em cães?

Um cão que perdeu alguém com quem teve uma relação muito estreita, reconhecerá a perda. É possível que ele pare de comer, fique sem ânimo, deprimido, pouco ativo, não será interessante para ele brincar ou socializar.

Leia mais: Batimentos cardíacos de cães e de seus donos sincronizam quando eles estão juntos

Perante este comportamento, não se deve cometer o erro de humanizar as reações e comportamento do cão, mas você deve tentar analisar, compreender e respeitar a resposta do animal.

Os cães precisam de tempo para se ajustar à perda de um ente querido, porque eles vão buscar o apoio e amor dos outros membros da família.

O que fazer para ajudá-los a superar?

Como acontece com as pessoas, para superar a perda, os cães devem manter seu ritmo de vida normal e, acima de tudo, o mesmo nível de atividade que tinham antes.

Portanto, são respeitados os padrões de exercício e passeios habituais, se possível no mesmo horário e é adequado dedicar mais tempo do que o habitual para brincar com ele.

Leia mais: Como é que um animal de estimação pode tornar a sua vida mais zen?

Alguns cães podem ficar deprimidos a ponto de precisarem de tratamentos psicológicos e farmacológicos para superar a perda.

No entanto, se depois de um mês desde a morte do amado dono, o cão ainda estiver com sintomas de tristeza, como falta de apetite, depressão, inatividade, perda de peso ou muitas horas de sono, é aconselhável consultar com o seu veterinário.

(Fonte: meusanimais.com.br)

Compartilhar
Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.



SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA