Quem gosta de falhar levante a mão? Essa é uma pergunta que eu sempre faço. A verdade é que as mãos geralmente não sobem. No entanto, se você não foi rejeitado várias vezes você simplesmente não teve sucesso.

Não se sinta envergonhado por seus fracassos. Aprenda com eles e comece de novo. Cometer erros e sofrer contratempos faz parte do DNA de todo empreendedor de sucesso e você não é exceção.

No entanto, existe um pré-requisito difícil: resiliência.

Ter um mecanismo de enfrentamento ao se deparar com obstáculos ou ficar arrasado é a chave para se recuperar. Steven Hayes, professor e psicólogo da Universidade de Nevada, diz que o jeito certo de lidar é aceitar seus pensamentos e sentimentos e vê-los com curiosidade.

Ao mesmo tempo, pense conscientemente sobre o que realmente importa na vida e como você quer estar no mundo. Em seguida, organize seu comportamento em torno dos valores que você identificou como próximos a você.

6 maneiras de praticar a resiliência em tempos difíceis

Na prática, descobri que essas estratégias mudam o jogo conforme a maneira como as pessoas resilientes gerenciam suas emoções e retornam à verdadeira forma.

1. Faça uma autoavaliação honesta da sua situação

Pessoas resilientes usam sua inteligência emocional para avaliar, primeiro, o que está fazendo com que se sintam ameaçadas. Eles processam seus pensamentos com cuidado e aprofundam-se até chegarem à raiz da questão. O que sobre sua situação que te faz sentir do jeito que você esta? Se algo não resolvido ainda persistir, elimine esse problema imediatamente. Se você não fizer isso, você se sentirá perpetuamente frustrado e irritado.

2. Ressignifique

Mentes resilientes recuperam-se rapidamente eliminando o drama em sua cabeça técnica psicológica chamada “ressignificação”. Pense nisso como uma maneira de “contar a si mesmo uma história diferente” e chegar a uma interpretação diferente. Isso ajuda a eliminar o drama que você pode estar escrevendo na sua cabeça. A melhor maneira de se recuperar disso é lidar com o factual (o que é realmente verdade) e estar presente no aqui e agora.

Leia Mais: 6 filmes que celebram o poder da resiliência

3. Definir limites

As pessoas mais resilientes recuperam-se de situações ruins dizendo “não” a qualquer um que interfira em seus objetivos, horários e especialmente em seus valores e crenças. Lembre-se de que você não precisa ser um sim para ninguém; ofereça resistência quando seus valores primários estiverem ameaçados e retroceda com firmeza (mas não com dureza) desenhando linhas na areia.

4. Assuma a responsabilidade por suas ações, não pelas de outra pessoa

Uma vez que eles limpam seu lado da cerca com honestidade e integridade, pessoas resilientes não se permitem se sentir culpadas por coisas que não têm nada a ver com elas. Eles sabem que não são responsáveis pelas ações e dramas dos outros, e nunca se batem por algo que alguém fez.

5. Separe laços com pessoas tóxicas

Pessoas resilientes são espertas o suficiente para reconsiderar os riscos e recompensas de suas redes, de modo que elas as mantenham seguras e as sirvam bem. Quando você se deparar com irregularidades ou tiver sido jogado embaixo do ônibus, recupere-se reavaliando suas relações profissionais em vez de dedilhar com as pontas dos dedos. Uma vez que a fumaça é dissipada, elimine controles anormais, manipuladores e tomadores necessitados que se preocupam apenas com eles mesmos.

Autor: Marcel Schwantes

Fonte Original: https://www.thriveglobal.com/

Texto traduzido e adaptado por Carolina Marucci da equipe Fãs da Psicanálise.

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here