Pessoas controladoras buscam poder sobre os outros, reduzindo a confiança e a importância de seus parceiros.

Aqui estão as 10 formas mais tóxicas de controle nos relacionamentos, com exemplos de cada comportamento:

1) Coerção

Tentar isolar você dos outros. Impedir o acesso a recursos financeiros ou outros recursos ou compartilhar recursos somente após algum tipo de chantagem. Tentar fazer você agir contra seus valores ou desistir deles. Alimentar triângulos doentios, como, por exemplo, manter contato com ex-amantes ou colocar você no meio de conflitos entre eles e familiares ou amigos.

2) Humilhação

Humilhar você através do ridículo ou xingamentos. Constranger você na frente dos outros. Dizer que você é pouco atraente ou pouco inteligente. Subestimar ou ignorar suas forças e realizações. Fazer comentários sarcásticos.

3) Rebaixamento

Envergonhar você ou usá-lo como ou bode expiatório. Tratar você como criança ou como se você não fosse igual ou incapaz. Dizer que você não poderia sobreviver sem o relacionamento. Violar sua privacidade. Excluir você das principais decisões que afetam você e o relacionamento.

4) Confusão

Manipular você. Projetar e acusar você de coisas que, na verdade, eles é que estão fazendo. Manter padrões duplos que lhe desfavorecem. Alegar que você é a razão pela qual eles agem mal. Mudar de assunto ou distraí-lo quando você menciona um tópico importante.

5) Importunação

Pressionar ou subjugar você. Interrogá-lo sobre onde esteve, o que está pensando ou como gasta dinheiro ou tempo. Exigir sexo ou carinho, independentemente de como você se sente. Recusar-se a aceitar “não” como resposta.

6) Negação

Recusar-se a assumir responsabilidade. Minimizar ou dar desculpas para o comportamento destrutivo deles. Fingir que tudo está bem.

Leia Mais: Muitas pessoas não conseguem se desligar de relacionamentos tóxicos, por acreditarem que o outro vai mudar

7) Intimidação

Intimidar ou enfurecer-se com você. Ameaçar prejudicar você ou outros. Ameaçar ir embora. Gesticular ou posicionar-se fisicamente de formas incômodas ou ameaçadoras.

8) Recusa

Recusar-se a se comunicar. Agir de forma passiva-agressiva. Recusar-se a fazer sua parte nas tarefas, dividir os ganhos ou assumir responsabilidades que afetem os dois. Recusar afeto ou sexo. Negar-se a conversar por horas ou dias. Recusar-se a responder suas perguntas.

9) Enganação

Mentir. Trair. Elogiar falsamente. Fingir estar do seu lado. Dizer a você que pode confiar neles. “Esquecer” de passar mensagens importantes.

10) Manipulação

Tentar fazer você se sentir culpado por suas necessidades ou desejos. Ameaçar se machucar se você não cumprir seus desejos. Ser excessivamente ciumento ou suspeito. Acusar você falsamente de ser desonesto.

Pessoas controladoras não tratam aos outros com respeito ou dignidade. Em vez disso, eles buscam poder às suas custas. Eles acreditam que sua importância aumenta à medida que o poder e importância de seus parceiros diminuem. Eles sabem que:

– Coagir, humilhar e rebaixar você pode fazer você duvidar de si mesmo e se sentir menos capaz ou com direito a estabelecer limites saudáveis.

– Confundir e importunar pode sobrecarregar ou esgotar você e torná-lo mais propenso a tolerar comportamentos não saudáveis.

– Intimidar pode torná-lo menos propenso a protestar contra o controle doentio ou exercer sua vontade.

– Negar, recusar, enganar e manipular pode impedi-lo de ver claramente o relacionamento e seu parceiro, o que o deixa mais propenso a questionar ou duvidar de si mesmo, não do controlador.

Se você reconhecer alguns desses sinais de controle tóxico em um relacionamento importante, você precisa avaliar se este relacionamento é bom para você. Você pode querer chamar a atenção de seu parceiro para esses comportamentos e insistir que eles precisam mudar. Se comportamentos de controle doentios persistirem após você ter chamado a atenção para eles, a pessoa controladora está lhe dando uma mensagem sobre as prioridades dela. Este pode não ser um relacionamento saudável para você.

(Fonte: psychcentral)
*Tradução e adaptação por Marcela Jahjah, da equipe Fãs da Psicanálise

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Fãs da Psicanálise
A busca da homeostase através da psicanálise e suas respostas através do amor ao próximo.


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here